08 julho, 2016

Please Come Back, Mister [K-Drama]


Finalmente a blogueira aqui encontrou tempo para finalizar um dos dramas mais legais do ano. Se você curte fugir dos clichês doramáticos e ainda não ouviu falar deste título, realmente deveria procurar mais sobre ele e adicioná-lo na sua lista.

Please Come Back, Mister



Sinopse: Um homem chamado Yeong Soo trabalha até a morte, mas consegue voltar ao mundo dos vivos no corpo de outro homem por um período limitado de tempo. Ao mesmo tempo, um outro homem chamado Gi Tak também morre, porém retorna no corpo de uma mulher...
Gênero: Drama, comédia, sobrenatural, romance
Ano: 2016
Nº de Episódios: 16
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download), Viki (online)

- Roteiro

Pela sinopse já é perceptível quão diferente é o enredo de Please Come Back, Mister né?! E sério pessoas, está aqui um dos dramas mais originais do ano! A trama inicia-se quando Yeong Soo morre devido a um acidente na empresa em que trabalhava, deixando pra trás sua esposa, filha e pai. No mesmo dia, um outro acidente causa a morte do chefe de restaurante chamado Gi Tak e este deixa pra trás um grande amor. O que ambos não poderiam imaginar era que se encontrariam no local pós morte e até se tornariam próximos, a ponto de aprontarem algo inesperado só para poder retornar. E após uma ação impensada dos dois, Yeong Soo e Gi Tak conseguem uma chance de retornar ao mundo dos vivos e "arrumar" as situações que deixaram, entretanto, teriam que fazer isto como outras pessoas e com um prazo definido. Daí, ambos ganham uma oportunidade para retornarem e resolverem todos os mal entendidos e problemas que deixaram pra trás, eles tentarão agora corrigir todos os erros anteriores e fazer com que os seus familiares e amigos que antes tinham sido deixados pra trás, agora tenham uma vida feliz. Ao ganhar um novo corpo, Yeong Soo retorna como um homem mais jovem e atraente, já o Gi Tak retorna como uma mulher. Imaginem agora a quantidade de cenas engraçadas ao conferir um homem no corpo de uma mulher! Pois bem, é com essa premissa que Please Come Back, Mister torna-se atraente. Além de um roteiro totalmente longe de clichês - o que a blogueira ama conferir, sempre que surge a oportunidade - o drama ainda consegue manter uma leveza e originalidade nem sempre vistos. O que mais me chamou a atenção neste drama - além do enredo em si - foram as excelentes atuações e desdobramentos posteriores que conseguiram manter um bom ritmo, deixando o drama bem longe de ser chato. Não foi um dos títulos que me fizeram surtar este ano, mas com certeza, conseguiu vaga na lista de melhores enredos, um dos dramas mais legais de se assistir.
- Personagens

Lee Hae Joon (Rain) & Kim Yeong Soo (Kim In Kwon)

O Yeong Soo é um ahjussi totalmente responsável para com sua família e trabalho, muitas vezes se esforçando mais do que deve para poder dar o seu melhor. É um personagem extremamente cativante e carismático, aquele que conquista facilmente o telespectador. O mais legal é que mesmo quando ele morreu, os roteiristas não afastaram totalmente o In Kwon, o ator aparecia em alguns flashbacks, e eu curti demais isto! Hae Joon é o segundo filho, representante da empresa Sunjin - uma loja de departamentos/ basicamente um shopping/ no qual o Yeong Soo trabalhava - e após um erro no computador do "céu", o Yeong Soo retorna com o mesmo corpo do Hae Joon - e que corpo é esse do Rain, né não?! ABS PERFEITO! - e consequentemente começa a se passar por ele. Assim, o rapaz ganha a oportunidade de esclarecer sobre sua morte que foi declarada como suicídio e cuidar de tudo que deveria ter feitos antes de morrer. Não sei como conseguiram, mas o In Kwon e o Rain eram realmente o Yeong Soo, eu ficava pasma com as similaridades nos gestos corporais dos dois. No flashback tínhamos vislumbres de como era a personalidade do Yeong Soo e quando o Hae Joon aparecia, era exatamente a mesma pessoa. Palmas para as maravilhosas atuações do Rain e In Kwon!

Vocês devem estar se perguntando: enquanto o Yeong Soo retorna no corpo do Hae Joon, onde estava o verdadeiro Hae Joon? O CEO estava passando uma temporada de férias em uma ilha deserta, culpa da agente responsável por cuidar da estadia do Gi Tak e Yeong Soo na terra dos vivos, a Maya - falarei mais dela abaixo.

P.S.: Não poderia deixar de mostrar o abs do Rain pra vocês! <3


Han Gi Tak (Kim Soo Ra) & Han Hong Nan (Oh Yeon Seo)

O Han Gi Tak é um cozinheiro, possui seu próprio restaurante e subordinados bem fiéis que o ajudam no estabelecimento. Possui um grande amor, porém devido a diversas circunstâncias da vida, nunca realmente casou-se com a Yi Yeon, entretanto, nunca deixou de ser um apoio para a mesma quando ela precisava. Gi Tak falece devido a um acidente inesperado e como sente que precisa ainda resolver muitas coisas deixadas pra trás, decide retornar com o Yeong Soo. Porém, ao contrário do parceiro de vida pós morte, ele não retorna em um corpo masculino com abs perfeito - jamais esquecerei esse abs do Rain -  ele retorna como uma mulher. Ao retornar, o cozinheiro precisa descobrir quem estava por trás de seu acidente, e para se aproximar de seus subordinados e sua amada, passa a se chamar Hong Nan dizendo ser a irmã perdida do Gi Tak.

Eis que então temos a inserção da Yeon Soo na trama, e esta criatura me arrancou gargalhadas em milhares de cenas. O Gi Tak era acostumado a usar seus pulsos e força em vários momentos, mas acaba voltando em um corpo frágil e sensível, imaginem quão engraçado tornou-se este fato. Além de que, o modo de caminhar, agir e falar de um homem não ficou nada normal sendo agora parte de uma mulher. Vale também ressaltar que tanto o Soo Ra e Yeon Soo conseguiram transmitir serem a mesma pessoa - não tanto quanto a dupla acima, mas de certo modo, conseguiram! - mesmo em suas cenas com diálogos mais simples, os dois conseguiam transparecer a personalidade do Gi Tak. 

Maya (Ra Mi Ran)


E a responsável por supervisionar o Gi Tak e Yeong Soo era a Maya. Uma outra personagem totalmente cativante e engraçada. A criatura ajudou por muitas vezes a dupla acima, em algumas ocasiões até ultrapassava o limite do bom senso, mas é impossível não gostar desta maluquinha. O mais engraçado, pra mim, foi quando ela começou a notar o Seung Jae, ficando totalmente caidinha de amores por ele - e tinha como resistir a esse homem? - e muitas vezes, garantindo cenas muito engraçadas devido à esse amor.

Shin Da Hye (Lee Min Jung)

A Da Hye é esposa do Yeong Soo e trabalha também na loja de departamentos Sunjin. Da Hye foi uma personagem bem forte considerando que após perder seu marido conseguiu se manter firme, pelo bem de sua filha e sogro. Mesmo com toda a dor causada pela perda do marido, Da Hye muitas vezes continuou determinada a fazer o seu trabalho bem feito, tentando superar toda a tristeza. Mesmo quando o Hae Joon começa a tentar se aproximar dela - na verdade, o seu marido morto que estava no corpo do CEO - a moça mantinha certa distância e traçou uma linha entre eles, o que demonstrou o quanto respeitava seu falecido marido. Ela era também próxima do Ji Hoon - falarei dele abaixo - e mesmo com todas as investidas do moço, também soube ser fiel e firme em suas escolhas e decisões.

Song Yi Yeon (Lee Ha Nui)

A Song Yi Yeon por outro lado, era uma mulher menos firme e mais medrosa. Yi Yeon é o grande amor do Gi Tak, a mulher que ele sempre ajudou e apoiou quando necessário. Ambos possuem uma história juntos, passaram por muitos momentos de aflição e até momentos felizes, nunca conseguindo esquecer um do outro e de tudo que passaram juntos. É justamente por causa desse amor que ela sente pelo Gi Tak que seu ex marido costuma atormentá-la, tentando encontrar maneiras de mantê-la sobre suas ordens. Yi Yeon foi uma das personagens que mais evoluíram ao decorrer da trama. 
De certo modo, como era acostumada a sempre ter o Gi Tak para resolver seus problemas, ela tornou-se fraca e a perda dele, a fez despertar, acordar para o mundo, ensinou-a a resistir, ser mais forte. E justamente este fortalecimento tornou-a uma personagem mais interessante. Ver a Yi Yeon se tornar mais confiante como atriz, mulher e mãe foi uma das melhores coisas da trama. Grande parte desta evolução foi pela Hong Nan - o Gi Tak em modo mulher - que soube ensiná-la de forma gradativa e permanente. P.S.²: O filho dela, o Yeong Chan (Kim Kang Hoon) era uma fofurinha e as cenas dos dois eram um amorzinho! <3

Jung Ji Hoon (Yoon Park)


O Ji Hoon foi o tipo de personagem que consegue causar um amor e ódio no telespectador. Inicialmente, o moço conquistou meu afeto devido à sua maneira simples e comportada de ser, porém ao decorrer dos episódios, suas decisões me causaram uma raiva básica. Ji Hoon era muito próximo do Yeong Soo e de sua família, aquele típico amigo da família, parecendo ter boas intenções para com todos. Porém, após a morte do Yeong Soo, o rapaz mostrou um outro lado, o qual eu realmente não gostei e desaprovei muitas de suas atitudes. Entretanto, não digo que odiei o Ji Hoon, no fim, consegui compreender o que ele verdadeiramente sentia pela família do Yeong Soo, especificamente falando, seus sentimentos pela Da Hye. A relação entre ele e a Da Hye não foi tão bem explorada, deixando de certo modo, algumas perguntinhas básicas no ar, para bons entendedores, as poucas cenas que tentaram demonstrar o que realmente existia entre ambos bastaram, mas não foi algo que ficou totalmente explícito. 
P.S.³: Yoon Park é lindinho, né não?! 

Choi Seung Jae (Lee Tae Hwan)


Eis aqui meu verdadeiro amor em Come Back, Mister. Seung Jae era um fiel subordinado do Gi Tak que após sua morte decidiu ficar ao lado do grande amor de seu chefe para protegê-la. Seung Jae demonstrou o drama INTEIRO sua lealdade ao Gi Tak, o que me fez cair de amores por ele. Enquanto torna-se o escudeiro da Yi Yeon consequentemente aproxima-se da Hong Nan, a qual não imagina ser o Gi Tak e esta aproximação me causou um pequeno probleminha de certa forma - o qual explicarei lá na frente!
Enfim, Seung Jae me conquistou por causa da sua postura séria, - quando ele finalmente soltava um sorriso, eu me derretia - determinada e forte. Um homem digno e fiel em todos os momentos, não é à toa que a Maya se apaixonou por ele também! Aliás, como não cair de amores por esse homem lindo chamado Lee Tae Hwan? Precisa-se de mais dramas com ele!

Cha Jae Gook (Choi Won Young)

Jae Gook é o irmão mais velho do Hae Joon, o qual briga constantemente com o mesmo - até com o pai, se necessário - para obter a liderança do grupo Sunjin. O antagonista além de odiar o Gi Tak, faz de tudo para atormentar a ex mulher Yi Yeon, muitas vezes sendo rude e mau caráter. Porém, mesmo com os deslizes deste antagonista, eu não o odiei. Jae Gook cometeu vários erros e em muitas ocasiões foi um verdadeiro pé no saco, entretanto,em um determinado ponto da trama, eu consegui compreendê-lo. Entendi que ele era na verdade um filho carente e um homem que não conseguia superar o fato da mulher que amava tanto, apenas vê-lo como pai de seu filho e não retribuir seus sentimentos. Ele apenas não conseguia lidar com seu amor unilateral. O único ponto positivo foi que o moço aqui, na medida do possível, era um bom pai para Yeong Chan e eu gostava de vê-lo bancando o "paizão".

Na Suk Chul (Oh Dae Hwan)

O vilão mesmo da trama era este insuportável aqui. Suk Chul é o grande rival do Gi Tak, o qual não pensa duas vezes se algo é certo ou errado quando o dinheiro está envolvido. Suk Chul acaba criando uma relação de "negócios" com o Jae Gook, passando a incomodar sempre que possível a Yi Yeon, irritando constantemente ela - e eu. Foi um ambicioso insuportável do início ao fim, enxergando apenas o dinheiro.

- Romance

São vários possíveis casais em Please Come Back, Mister e quem costuma shippar muito pode torcer para todo tipo de casal possível, até os mais improváveis. 

Da Hye & Yeong Soo 

Da Hye e Yeong Soo foram um casal maduro e os flashbacks que contavam como se conheceram, aproximaram-se e finalmente tornaram-se uma família eram muito fofos. Impossível não curtir estes dois, mesmo que minimamente, culpa da naturalidade dos atores durante a cena.
Da Hye & Hae Joon

Ao voltar no corpo do Hae Joon, Yeong Soo começa a se aproximar de sua esposa, a qual está de luto pelo marido falecido. Entretanto, mesmo Yeong Soo e Hae Joon sendo a mesma pessoa nesse caso, era impossível não shippar estes dois mais fortemente do que os dois acima. Creio que por causa de todo o charme que o Hae Joon jogava para cima da esposa. Yeong Soo retornou em um corpo mais jovem e atraente, logicamente utilizou-se disso para chegar mais perto da esposa, muitas vezes, até deixando-a tímida. 

Considerando o fato de que o Hae Joon era interpretado pelo Rain foi muito difícil colocar na cabeça que ambos eram a mesma pessoa sendo tão diferentes fisicamente. Logo, a blogueira aqui curtia mais as cenas da Da Hye com seu marido, quando o Yeong Soo em questão era o Rain.

Da Hye & Ji Hoon


Acreditam que no início da trama eu quase shippei esses dois? - Daí veio o abs do Rain e acabou com tudo! - Eu acho o rostinho do ator Yoon Park tão fofinho que quase bandeei para o lado errado da torcida. Porém, não pode-se negar que toda a atenção do Ji Hoon para com a Da Hye era muito bonitinha, imagina ter um rostinho desse querendo te agradar... Meio difícil não cogitar agarrá-lo né, não?! Como mencionei, mesmo este moço não sendo o certinho que aparentava, seus sentimentos mostraram-se verdadeiros, de forma não convincente, eu sei, porém, no geral, ele foi um homem muito atencioso.

Gi Tak & Yi Yeon


E sabe aquele casal secundário que rouba a cena? Olha um aqui! - Se bem que eles eram meio que protagonistas também, né?! - É impossível assistir Please Come Back, Mister e não se encantar com estes dois. Gi Tak e Yi Yeon provaram que um amor verdadeiro é querer ver o outro feliz, mesmo que isso signifique não estar sempre ao lado do outro que se ama. Retrataram como um amor pode ser generoso e um ponto de conforto nos momentos difíceis. O amor que estes dois sentiram um pelo outro foi uma das coisas mais lindas do drama, e a química dos atores só me fez shippá-los ainda mais! E mesmo quando o Gi Tak retorna no corpo da Hong Nan, as atrizes souberam manter a química, conseguiram demonstrar o grande sentimento existente entre o Gi Tak e Yi Yeon. 

Hong Nan & Yi Yeon


Falando nesta duas, o que foi isso? A química entre as atrizes realmente transbordavam os sentimentos do Gi Tak e era impossível não enxergar o amor que existia ali. A Yeon Seo soube ser um verdadeiro Gi Tak mulher, o que torna tudo bem engraçado, pois se o Gi Tak agora era mulher deveria controlar seus sentimentos, o que nem sempre conseguia. Enquanto o Gi Tak lidava com o fato de ser uma mulher amando outra mulher, Yi Yeon começava a ver a Hong Nan como uma querida amiga e irmã de seu grande amor. Logo, ao começar a tratá-la bem, complicava a vida do Gi Tak que tentava resistir, nos presenteando com cenas bem engraçadas. Essas duas foram ótimas contracenando juntas!

Hong Nan & Seung Jae


E lembram do probleminha que eu falei? Foi este aqui. Podem chamar a blogueira de maluca, mas afirmo que eu shippei fortemente estes dois aqui. Primeiro de tudo, a Hong Nan era na verdade o Gi Tak, eu sei, porém, entretanto, todavia, isso não me impediu de achar estes dois incrivelmente lindos juntos. Enquanto que a Hong Nan aproxima-se da Yi Yeon e consequentemente, do Seung Jae, ela torna-se companheira do moço. Daí, eu comecei realmente a me encantar com as cenas dos dois, sério pessoas, não sei se era impressão minha porque queria vê-los juntos, mas achei a química entre os dois bem forte. Definitivamente foi o casal que eu mais shippei nesse dorama! P.S.4: Preciso desses atores em outro drama contracenando como par romântico pra ontem!

- Final


Há quem diga que não curtiu o fim de Please Come Back, Mister, pois eu, realmente gostei! Sinceramente, se no final acontecesse o que a maioria estava querendo, a trama por si só se tornaria ilógica, sendo que os mortos em questão ganham uma nova oportunidade para voltar ao mundo dos vivos apenas para deixar as coisas "certas" antes de morrer. Então, considero este final satisfatório, pois cada personagem obteve um fim digno e a proposta inicial da trama se cumpriu. E cá entre nós, em terra de K-Drama já tivemos coisa bem pior!

- Considerações Finais

Família do Yeong Soo

Eu não poderia deixar de mencionar esta querida família, afinal a filhinha do Yeong Soo, a meiga Han Na (Lee Re) e o pai dele, o carismático Noh Hwan 
(Park In Hwan) foram extremamente cativantes. Amava as cenas em que ambos estavam com os demais membros da família. Retrataram a perfeita união de uma família feliz.

Família do Hae Joon

E o que dizer do pai do Hae Joon?! Gente do céu, eu gargalhei horrores com esse velho Cha (Ahn Suk Hwan) e sua mania de não querer falar, utilizando sua intérprete, a secretária Wang (Oh Na Ra), para descrever suas emoções e pensamentos para os outros. A cada cena que essa mulher ficava traduzindo o som que o Cha fazia com aqueles negócios nas mãos, - acreditam que eu ainda não descobri o que era aquilo? Sou lerda demais /kkk - eu soltava risos escandalosos. 

Atuação maravilhosa da Oh Yeon Seo

Eu não poderia deixar de citar novamente esta mulher. Yeon Seo deu um show de atuação ao interpretar um homem no corpo de uma mulher e sério gente, não acho que qualquer outra atriz, faria melhor que ela. A criatura soube incorporar fisicamente um homem, no jeito de andar e falar. As cenas iniciais nas quais o Gi Tak estava aprendendo a andar de salto me arrancaram altas gargalhadas, inclusive as que ela agia corporalmente como homem. Realmente apoio o retorno dessa mulher em outro drama e de preferência com o Tae Hwan! <3 

Dupla Dinâmica: Hae Joon & Hong Nan


E olha não foi nada fácil a blogueira aqui não shippar estes dois, afinal a química entre a Yeon Soo e o Rain era gritante! Yeong Soo e Gi Tak tornam-se parceiros ao decorrer dos episódios e descobrimos que todo o tempo, eles meio que tinham um conexão. Entretanto, quem realmente teria que convencer na tela eram o Rain e a Yeon Seo, eles estavam encarregados de demonstrarem a crescente amizades entre os dois mortos, e eles simplesmente arrasaram! Foram totalmente naturais e confortáveis juntos, tornando-se uma dupla memorável. Esta dupla esbanjou uma excelente química, coisa que ás vezes, nem mesmo os pares românticos protagonistas conseguem fazer. 
Além de tudo isso, foram garantia de boas risadas! Gargalhei horrores com os dois!


- Trilha Sonora

A trilha sonora é daquelas onde cada canção foi bem utilizada em momentos específicos, tornando-a bem gostosa de se ouvir. As minhas preferidas foram:

Because It's Love - Ailee - Essa música é linda demais! Minha preferida!! <3



Again - Noel



FEEL ALIVE - Topp Dogg - Quando essa música tocava era sinal 
de que alguém iria aprontar! KKK



X-Out - Ryu Ji Hyun




Eu recomendo que vocês ouçam a OST inteira pois todas as canções são boas. Agora, eu realmente preciso terminar esta resenha senão vai virar é um livro! Espero que tenham gostado, e não deixem de comentar o que acharam de Please Come Back, Mister! Quem ainda não assistiu, vá logo conferir!!!

6 comentários:

  1. Oi!!
    Desculpe a demora para comentar esse drama! Vi há algum tempo que você tinha colocado, até coloquei no blog o link, mas não deixei meu comentário ainda. Deixei para quando tivesse mais tempo para eu conseguir lembrar de mais coisas que queria compartilhar sobre esse drama, mas mais tempo que é bom está difícil achar kkkkk Melhor comentar agora mesmo ou vou adiar mais tempo rsrs
    Que bom que achou um dos dramas mais legais! Também achei <3 Gostei muito por ser um enredo muito diferente e super divertido e daqueles que você não tem ideia de como vai terminar em vários sentidos (pelo menos foi assim para mim). E a atuação dos atores foi show :D
    E como pode, hein? Também achava o Seung Jae "meu verdadeiro amor" nesse drama! Desse jeito não dá, não é? Vamos acabar disputando sempre os mesmos personagens kkkkkkk :p Mas brincadeiras a parte, achei o personagem o mais cativante e amava quando ele aparecia <3<3<3 Se pudesse ficaria tipo uma Maya da vida kkkkk
    E também!!! Sim, sim, sim!!! Eu shippei fortemente a Hong Nan com ele *-* Eu sabia que era o Gi Tak, mas é algo impossível de evitar kkkk Para mim teria sido perfeito um fim dele com a verdadeira dona do corpo, que eu imaginava que poderia aparecer, quem sabe... ^^
    Aliás, falando nisso, preciso comentar o último episódio:

    - SPOILER-
    Eu chorei muito! Aliás foi um choro geral aqui em casa rs Nunca imaginei que o Gi Tak iria desistir da existência dele no mundo. Foi o momento que mais me emocionei, chorei as duas vezes, quando estava traduzindo e quando assisti com a Lucíla e a mãe, coisa que faz tempo que um drama não faz comigo (agora Dear my Friends já entrou nessa listinha rs)
    Quanto ao final do Seung Jae, não entendi na primeira vez que vi, fui entender depois que era a Maya... Entendi que ele casou com ela e tiveram um filho, mas li comentários de alguém que achou que ela era mãe dele (???) kkkk De qualquer maneira algumas coisas ficaram no ar, para mim pelo menos, e uma delas era de como a Maya agora estava no mundo humano...
    Bom dorameiro aprende logo a não ter muitas expectativas em relação ao final rs Mas gostei do final também. Penso que poderia ter terminado muito pior e também não ia gostar se tornassem a trama muito ilógica.

    -FIM SPOILER-

    Provavelmente estou esquecendo de alguma coisa, mas você como sempre colocou muitas das minhas opiniões e sentimentos na resenha com maestria ^^
    Obrigada por mais essa resenha :*

    (E temos que aguentar o "carinha da cicatriz" de novo no 38 Task Force com papel de mau caráter ¬¬ kkkkk)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi meninas!
      Entendo perfeitamente este quesito de "falta de tempo", sempre nos atrapalha né?! Rs'
      As atuações foram mesmo maravilhosas, e junto do roteiro conquistou o telespectador de vez!
      Tu também caiu de amores pelo Seung Jae?! KKKK Parece que tendemos a amar os mesmos boys dos dramas, vamos disputar! Haha' Eu também amava quando ele aparecia, a Maya tinha bom gosto! Hhausha
      É ÓTIMO saber que eu não fui a única louca que shippou fortemente a Hong Nam com ele! KKKK Tu me fez sentir um ser mais normal. Era impossível não considerar a química dos atores, quero eles juntos em breve, e como par romântico!!!

      ALERTA DE SPOILER:
      Nossa! Eu também fiquei triste por este acontecimento, fiquei meio que chocada, entretanto, entendi a proposta do roteirista.
      Por esse lado, sim! Algumas coisas ficaram soltas no ar, meio que para que nós telespectadores pudéssemos escolher o final. Acho que era isto que os roteiristas queriam deixar em aberto.
      "Bom dorameiro aprende logo a não ter muitas expectativas em relação ao final" Uma enooorme verdade! Pois é, é melhor terminar com lógica do que tentarem inventar e estragarem a premissa do enredo, né?!

      FIM DO SPOILER

      Ah, fico muito feliz em saber que mais uma vez, concordamos e sentimos as mesmas emoções em relação a um dorama! Eu que agradeço por legendarem mais este projeto!
      Parece que esse carinha da cicatriz está nos perseguindo! KKKK

      Excluir
    2. Oi :D
      A "sumida" aqui aparecendo novamente! rs
      Ah, que alívio!!! Somos normais então kkkkk Quanto a disputar os mesmos boys, parece que temos sempre o mesmo gosto, então é inevitável ;D Mas, estou lembrando que no "Cinderella and Four Knights", vai ter QUA-TRO!!! lindos e desejáveis! Será que vamos ser conquistadas pelo mesmo!? haha Vamos descobrir depois ;)
      Também achei que era tipo perseguição do carinha da cicatriz kkkkk ;P mas vi que ele está no elenco de dois projetos que vamos começar, Local Hero e o próximo trabalho dele: Shopping King Louie... Ou seja! Estamos acompanhando todos os trabalhos dele desse ano!! Acho que estou me sentindo a stalker agora, mesmo sem querer kkkkkk :P Só espero que não seja tipo vilão de novo nos dois kkkk
      ~Tereza

      Excluir
    3. Apareça mesmo, sumida. Gosto demais de ler seus comentários!
      Será? Esse Cinderella and Four Knights é um perigo pra nós, nem dá pra sermos meninas doces, recatadas e dos lares. ahsuahsuh'
      Acabei de publicar a resenha de Local Hero, depois quero saber sua opinião sobre esse dorama! Tu está sendo uma stalker mesmo! Hhsuahsua' Vamos esperar que não!
      Volte sempre, Tereza! Beijão!

      Excluir
    4. Vou tentar vir mais vezes ^^ Gosto muito também das suas resenhas e, é claro, dos comentários que compartilhamos <3
      Verdade! Cinderella and Four Knights é um caso complicado kkkk Esquecemos tudo sobre sermos "meninas doces, recatadas e dos lares" kkkkkk
      Vou deixar um comentário por lá ;)
      ~Tereza

      Excluir
    5. Venha mesmo, é sempre um prazer ler seus comentários. Fico muito feliz em saber que curte as resenhas aqui do blog *-*
      Cinderella and Four Knights tá difícil de lidar, nem sei quem shippar acredita? /haushuaha

      Excluir

Sua opinião também é importante. Comente! (:

Compartilhe