30 dezembro, 2016

~KPOPANDO: Dezembro


Saindo antecipadamente no penúltimo dia do ano - porque eu, assim como vocês, pretendo aproveitar o reveillon - eis que trago aqui a lista com os singles finais de 2016. Dezembro sempre traz aquelas canções natalinas irritantes mas até que este ano, conseguimos algo menos entediante e alguns pouquíssimos grupos lançaram coisas decentes. /aêew/


MYSTERY - HYOYEON (GIRLS GENERATION)



Iniciando o mês temos uma faixa do STATION, e ao contrário da maioria das canções do projeto, as quais sempre tendiam ao zzzz, esta, aposta em um lado mais enérgico e poderoso. Não curti porque não faz o meu estilo e, sinceramente, não lembro de ter visto essa menina no Girls Generation - será uma figurante lá?! - porém, vocês podem acabar gostando. 
Confiram e decidam se vale a pena colocar na playlist capopense de vocês!

23 dezembro, 2016

Shopping King Louie [K-Drama]


Se você está procurando uma comédia romântica doramática que te faça vomitar LITROS de arco-íris, eis que hoje trago a dica perfeita! Sinceramente, quem ainda não conferiu este dorama, deveria se apressar e iniciá-lo agora mesmo!!!!

Shopping King Louie



Sinopse: Louie, é um rico herdeiro que, devido à sua frustração de não ser capaz de lembrar de seu passado, sempre gasta dinheiro para comprar qualquer coisa com indiferença. Um dia ele conhece Bok Shil, uma mulher pura e enérgica que lhe ensina que o amor não é algo que o dinheiro pode comprar.
Gênero: Comédia, Romance, Drama
Nº de Episódios: 16
Ano: 2016
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download/online), Kkulbeol Dramas Fansub (download/ online), Fighting Fansub (download/online), Kkulbeol Dramas (download, online), Viki (online

Como costumo fazer quando curto muito determinado dorama, dividirei este post em tópicos, dando-lhes as razões que fazem deste título merecedor de uma posição na sua  - eu sei que enooorme - lista doramática!

1) Uma ótima comédia romântica com pitadas de drama

Louie é um jovem rapaz obrigado a viver na França isolado em um castelo devido à superproteção da avó, Choi Il Soon. Tudo porque sua vovó acredita ter uma má sorte que afeta todos que ama, e como perdeu o filho e nora, acredita que pode acabar tendo que se despedir cedo demais de seu querido neto. Enquanto Louie vive isolado, gastando dinheiro sendo um perfeito comprador, conseguindo reconhecer com seu dom único, qual o melhor produto a ser comprado, consequentemente ganhando o apelido de Rei das Compras Louie... Go Bok Shil é uma menina caipira do interior que mora apenas com sua avó e seu irmão mais novo, Go Bok Nam. Certo dia, uma equipe de profissionais em documentários decide fazer um filme sobre a região e o que pode encontrar-se nela, Bok Nam maravilhado com a possibilidade de conhecer uma cidade grande e sair do interior, foge para Seul junto com a equipe. Bok Shil fica sozinha com a avó e a mesma acaba falecendo. Então, a garota caipira decide ir para Seul procurar seu único parente, agora seu irmão Bok Nam. 
No meio do caminho é assaltada e perde seus pertences bem como todo seu dinheiro, sua única opção que resta é vender um ginseng que colhera em sua região. A moça encontra um potencial comprador e após uma certa confusão, ele adquire o produto e deixa seu número com ela para que ambos possam entrar em contato. Bok Shil não esperava que o rapaz que comprou seu produto era o Sr. Cha, gerente da Godline, empresa a qual a Choi Il Soon é dona e futuramente, seu sucessor será o Louie. Inesperadamente, os destinos de Bok Shil e Louie cruzam-se quando a moça o encontra na rua como um mendigo e este está vestindo a camisa que Bok Shil comprara e bordara com o nome do irmão, Bok Nam. Bok Shil está decidida a encontrar seu irmão mais novo e Louie parece saber onde ele está, entretanto, o rapaz perdeu suas memórias e não lembra de nada dos últimos dias, ou mesmo dos últimos anos, nem lembra quem é... Bok Shil decide apoiar Louie para que ele recupere suas memórias e assim, relembrar onde Bok Nam está. Como perceberam, Shopping King Louie tem um enredo simplório, mas que mesmo assim, passa longe do clichê e consegue ser aquela comédia romântica extremamente cativante. Quem curte tramas leves, com personagens carismáticos, desdobramentos com bom ritmo e um romance principal de fazer-lhe vomitar arco-íris, PRECISA iniciar imediatamente este dorama!

19 dezembro, 2016

Falling for Challenge (Mini Drama) [K-Drama]


De vez em quando, aparece aquele mini drama fofo e cativante que consegue prender sua atenção e você não consegue largá-lo até ter conferido cada um dos episódios. Foi justamente o que me aconteceu ao ver este título e sério, acho que ele merece um lugar na lista de vocês!

Falling for Challenge



Sinopse: Na Do Jeon, é um palhaço inspirado em Pierrot, e sua paixão é ver as pessoas felizes. Ban Ha Na é uma estudante batalhadora que sonha iniciar seu próprio negócio de food truck. A trama se desenrola quando Ha Na se encontra com Do Jeon, e o convida para participar do seu clube escolar, que está prestes a ser fechado.
Gênero: Romance, drama
Nº de Episódios: 06
Ano: 2015
Onde Encontrar: Exo Planet (online), Viki (online)

- Enredo


O roteiro de Falling for Challenge é bem simplório, mas consegue ser extremamente cativante. Ban Ha Na é uma jovem que sonha em iniciar um negócio de food truck - negócio no qual veículos são adaptados para servir refeições - e ao mesmo tempo em que busca seu sonho, precisa lidar com o fato de seu reitor querer fechar o seu clube escolar. Logo, após um encontro inesperado com um palhaço, o convida para se juntar ao seu clube para assim talvez conseguir mantê-lo vivo. A partir daí, embarcamos nas aventuras de Ha Na e seus participantes do clube, os quais à medida em que se aproximam com o objetivo de salvar o clube tornam-se amigos. Como eu disse, é um enredo bem simples porém consegue prender a atenção do telespectador, e como é curtinho torna-se relaxante assistir todos os episódios de uma única vez.

16 dezembro, 2016

Orange - Live Action [J-Movie]



Como prometido, hoje trago resenha do live action de um dos mangás de grande sucesso no Japão: Orange (confira a resenha do mangá, clicando aqui). Para saber o que achei da adaptação cinematográfica, continue lendo o post!



Sinopse: Em seu primeiro dia de aula, Takamiya Naho, de 16 anos, recebe uma carta estranha, com o remetente vindo de si mesma, de dez anos no futuro. No início, ela acha que a carta é uma brincadeira, mas depois as coisas escritas na carta realmente passam a acontecer, incluindo o novo aluno transferido que se senta ao lado dela na sala de aula, Naruse Kakeru. A carta é como seu diário, e narra tudo com perfeição, até os mesmos personagens – que são seus amigos. Naho então decide ler a carta até o fim. Na carta, ela de 27 anos de idade, diz a ela de 16 anos de idade, que seu maior arrependimento é que Kakeru já não está com eles no futuro, e pede a ela para vigiá-lo de perto.
Gênero: Drama, Romance
Ano: 2015
Onde Encontrar: Mahal Dramas Fansub (download/online), Dopeka (online)

- Recapitulando o enredo:

O enredo de Orange conta a história de Naho, uma garota que recebe uma carta de si mesma de dez anos no futuro, nela está descrito diversos acontecimentos, um em especial, envolvendo o novo estudante transferido chamado Naruse Kakeru. A Naho do futuro mandou a carta para que sua "eu" desse passado/presente/ pudesse livrar-se de futuros arrependimentos, com os quais ela - a Naho do futuro - tem vivido por tanto tempo. Decidida a não cometer os mesmos erros que sua "eu" do futuro cometeu, a Naho do presente decide fazer novas escolhas, tentando tudo que estiver ao seu alcance para mudar o principal arrependimento do passado. Não apenas ela, mas seus outros amigos também acabam tornando-se próximos do recém-chegado, logo, o grupo torna-se inseparável, sendo fiéis companheiros do Kakeru. Será que essa amizade poderia mudar o principal futuro arrependimento da Naho, no qual Kakeru não está mais presente?! Para maiores esclarecimentos sobre o enredo, aconselho lerem a resenha do mangá - clique aqui - antes de continuar lendo este post, pois continuarei esta resenha comentando sobre a adaptação em si, senão a tornaria uma repetição do post anterior.

12 dezembro, 2016

Suki na Hito ga Iru Koto [J-Drama]


Como há tempos eu não conferia um J-Drama, decidi dar uma oportunidade à um dos títulos mais comentados no twitter este ano. E olha, valeu MUITO a pena sair um pouco dos kdramas, afinal, japoneses tem uma maneira única de contar uma história, e sempre que possível é bom espiar o que eles andam produzindo no mundo doramático.

Suki na Hito Ga Iru Koto



Sinopse: Sakurai Misaki é uma confeiteira que trabalha duro e sonha em abrir seu próprio negócio. Um dia, ela acaba sendo demitida de seu emprego e coincidentemente esbarra em Shibasaki Chiaki, seu primeiro amor nos tempos de colégio. Ao ouvir o que aconteceu, Chiaki convida Misaki para trabalhar com ele no restaurante à beira-mar de sua família, junto com seus dois irmãos mais novos, Kanata e Touma. A jovem passará o verão ao lado dos três belos irmãos.
Gênero: Romance, Comédia, Food
Nº de Episódios: 10
Ano: 2016
Onde Encontrar: Mahal Dramas Fansub (download/ online)

Saindo um pouco do habitual, optei por dividir a resenha de acordo com os motivos que fazem deste título uma ótima alternativa para sair do universo kdrama e se aventurar na teledramaturgia japonesa. Segue abaixo 10 razões que fazem de Suki na Hito ga Iru Koto merecedor de uma posição na sua lista doramática!

1) Enredo clichê mas imperdível!

Qualquer dorameiro que esteja há um tempo neste vício, conhece aquela velha trama onde uma menina decide morar com n rapazes por algum motivo, passando a conviver com eles e seus problemas. É aquele típico clichê que sempre está presente no universo doramático, esse ano tivemos também Cinderella and the Four Knights, o qual segue a mesma premissa. Porém, mesmo com toda a mesmice, sempre há aqueles títulos que conseguem se manter e ter um diferencial na forma como desenvolvem o enredo e Suki na Hito ga Iru Koto faz isso muito bem. Sakurai Misaki é um jovem confeiteira, a qual sonha em trabalhar no exterior, exibindo toda sua criatividade através de seus bolos. Entretanto, certo dia é demitida de seu emprego em uma padaria e coincidentemente encontra seu ex amor de colégio, Shibasaki Chiaki. Chiaki é administrador de uma rede de restaurantes, e como o restaurante de sua família, o Sea Sons, está precisando de uma confeiteira, convida Misaki para trabalhar com ele em sua cidade natal. O verão se aproxima e como Misaki precisa recomeçar, aceita a proposta, imediatamente mudando-se para a cidade litorânea na qual seu ex amor trabalha. Ao chegar lá, a moça descobre que Chiaki não mora sozinho e sim com seus dois irmãos mais novos, Touma e Kanata. A nova confeiteira agora precisa adaptar-se ao novo trabalho e também ao seu novo estilo de vida, no qual divide a casa com 3 belos garotos com personalidades totalmente diferentes umas das outras. A partir daí, temos um enredo clichê mas convidativo com aquele jeitinho único de contar uma história, aquela maneira que só os japoneses conseguem fazer, a qual lembra muito os clássicos animes e mangás shoujos. No geral, Suki na Hito Ga Iru Koto é divertido, fofo e bem legal de se assistir, conseguindo manter um ritmo leve, sem enrolações desnecessárias e com desdobramentos que mantém o interesse do telespectador.

06 dezembro, 2016

Beautiful Mind [K-Drama]


E após meses na minha lista, finalmente consegui um tempinho para conferir este título que só pela sinopse me agradara muito. E após assistir todos os episódios, apenas posso afirmar que o melhor dorama médico do ano até então está aqui - perdão fãs de Doctors - e querem saber o porquê?! Leiam o post e entendam...

Beautiful Mind



Sinopse: Um misterioso drama médico sobre um neurocirurgião psicopata gênio e uma detetive da divisão de crimes violentos. Lee Young Oh é um cirurgião cardiotorácico do sexo masculino que se torna um novo professor assistente no hospital. O drama promete lançar o quadro processual médico habitual e vai contar uma história misteriosa sobre "alguém que mata, alguém que salva, alguém que persegue, e alguém que é perseguido."
Gênero: Melodrama, Médico, Mistério, Psicológico, Romance
Nº de Episódios: 14
Ano: 2016
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download/online), Viki (online), Mahal Dramas Fansub (download/online)

- Enredo

Dr. Lee Young Oh é um cirurgião que acaba de chegar ao país e estabelecer-se como um dos principais médicos do grande e renomado Centro Médico HyunSung. Com sua personalidade um tanto quanto diferente, encontra dificuldades para relacionar-se com seus companheiros de trabalho e até mesmo com seus pacientes. O que ele não esperava é que alguns acontecimentos estranhos ocorreriam em seu novo local de trabalho, como exemplo, o desaparecimento do coração de um cadáver que instantes atrás tinha sido paciente na emergência. A agente de trânsito Gye Jin Sung que conhecera por acaso o falecido percebe que há um mistério no ar e decide investigar, pedindo transferência para a divisão de crimes violentos. Jin Sung é uma ex paciente, a qual ficou internada tempos atrás no mesmo hospital sobre os cuidados do médico Hyun Suk Joo, então pede a ajuda do moço para poder investigar melhor o caso. Com o início das investigações, o principal suspeito torna-se o "estranho" Dr. Lee Young Oh, então Jin Sung é obrigada a manter o médico sob vigilância. O que não impede que outros acontecimentos estranhos ocorram no hospital, inclusive, a morte de outros médicos. Com isso, os boatos de que há um serial killer no hospital surgem e Jin Sung empenha-se em descobrir quem seria este maníaco. O enredo de Beautiful Mind é um dos mais originais que eu já vi, afinal dramas médicos com essa pegada de mistério não são tão vistos assim na teledramaturgia coreana. Temos um dorama original e bem elaborado, além de personagens magnificamente bem construídos, como exemplo, o próprio protagonista. O ritmo não cai e o drama fica cada vez mais interessante, atiçando a curiosidade do telespectador, o melhor de tudo é que não prolongam o mistério até o fim, este é resolvido sem enrolação e logo, outras  pontas deixadas anteriormente vão sendo trabalhadas. E um dos pontos mais consideráveis do enredo foi o fato de explorarem perfeitamente a relação médico-paciente, mostrando toda a vocação, amor e orgulho que os médicos sentiam de sua profissão. Fato que não senti muito em Doctors, pelo contrário, isto faltou à trama, e em Beautiful Mind este fator tão importante em dramas médicos ficou bem claro, e foi devidamente explorado, o que me fez gostar mais ainda do dorama.

04 dezembro, 2016

PAUSE: Novembro


O ano já está indo embora e minha playlist continua quase a mesma, querem saber quais os singles que mais ouvi mês passado?! Continuem lendo o post! E não esqueçam de espiar o blog Louca por Viver e conferir a listinha da Jusley também, okay?!


1) Em primeiro lugar: For You - EXO CBX. Pois é, Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo acabou mas meu amor por esta OST ainda continua. Tá impossível superar o fim do dorama, e meu mês passado foi embalando pela faixa do mesmo. Fazer o que, né?! Estou numa depressão pós dorama querido...



♫ Nunca se esqueça da verdade:
Que eu estive ao teu lado
Não apague o meu coração
Que seria capaz de sacrificar tudo por ti
Mas eu não sei
Quando você se instalou em meu coração?
Eu não sei
A razão pela qual meu coração se agita ao te ver
Você pode passar direto ao ver
Porque você se esqueceu de mim
Até que você se lembre
Eu desejarei a ti
No mesmo lugar e ao mesmo tempo, nós estamos juntos
Você pode sempre vir até mim, voltar ao teu lugar ♫

30 novembro, 2016

~KPOPANDO: Novembro


Penúltimo mês do ano e podemos dizer que até agora 2016 foi satisfatório, a não ser que Dezembro estrague tudo, tudo é possível não é mesmo?! Confiram abaixo o que rolou em Novembro, o qual conseguiu a façanha de ter desde comeback arrasador - MAMAMOO o/ - até chute na cara da sociedade tradicional coreana... Os mais velhos agora odeiam SISTAR!


11:11 - TAEYEON



Começando novembro de maneira tranquila e favorável, tivemos um lançamento da Taeyeon porque enquanto a SM conseguir arrancar dinheiro com os singles solos dela, ela lançará faixas e mais faixas. Como eu, particularmente, amo canções que abusam do violão como base para a melodia, 11:11 me agradou muito! Então acho que vale a pena vocês conferirem a menina do lion heart neste mv aqui!
P.S.: Vocês podem conferir a versão acústica da música -
que é praticamente acústica, parabéns SM! - clicando aqui.

26 novembro, 2016

Train to Busan [K-Movie]


E para quem ama filmes com zumbis, trago hoje uma excelente dica, daquelas que merecem uma posição obrigatória na lista de quem curte o gênero. Sabe aquele filme que consegue tirar o seu fôlego?? Pois bem, temos um aqui!!




Sinopse: Seok Woo e sua filha Soo An embarcam no Expresso KTX, um trem rápido que os levará de Seul para Busan. Mas, durante a viagem, o trem é invadido por zumbis, que matam vários tripulantes e outras pessoas. E enquanto o KTX está indo em direção a Busan, os passageiros têm que lutar por suas vidas contra os zumbis.
Gênero: Ação, Terror, Zumbis, Tragédia, Drama, Thriller
Ano: 2016
Onde Encontrar: Kingdom Fansubs (download/ online)

- Enredo:

Train to Busan narra a história de passageiros que embarcam em um trem à caminho de Busan em meio à uma epidemia que parece estar ocorrendo no país. Inicialmente, ninguém consegue entender exatamente o que está acontecendo e acham que os constantes ataques que são transmitidos na televisão e através da internet tratam-se de manifestações políticas dos habitantes. Porém, uma moça infectada consegue entrar no trem em questão e transmite o vírus para outros passageiros. Em pouco tempo, há inúmeros infectados nos vagões e as pessoas precisam lutar para sobreviver. O filme consegue de maneira única utilizar os elementos essenciais dos filmes comuns deste gênero, como a infecção se alastrando, pessoas apavoradas, zumbis sedentos por humanos e etc. Consegue ainda um diferencial interessante, dosando drama e ação desenfreada. O enredo é realmente bem estruturado e utiliza cada personagem de maneira significativa na trama, e a partir dos desdobramentos que se seguem prende a atenção do telespectador tirando-lhe o fôlego. Sou formada em The Walking Dead - confira resenha da série clicando aqui - então logicamente estava receosa ao iniciar este título mesmo sabendo que a crítica aclamou o filme, não apenas foi sucesso na Coreia do Sul como também fora dela. Sendo que, inúmeros países estão de olho nos direitos autorais para o remake do título. Então, mesmo sabendo do sucesso do kmovie, ainda estava um pouco receosa em assisti-lo, porém ao concluir o mesmo, entendi os motivos que fizeram dele um enorme sucesso de bilheteria. Sem dúvidas, é um filme de zumbis que consegue utilizar doses de outros gêneros, como exemplo um drama básico em momentos oportunos, não diminuindo a qualidade da narrativa. Então, se vocês amantes do gênero estão cansados de filmes de zumbis com apenas aquele terror e desesperos costumeiros, aquela mesmice, tenho aqui um candidato forte que consegue ter toda a mesmice do gênero e ainda assim, ter um diferencial interessante.

22 novembro, 2016

Love Me If You Dare [Ch-Drama]


Decidi dar uma chance para um dos títulos mais comentados do ano passado. Atrasadamente trago hoje resenha deste dorama que, com certeza, é um dos melhores dramas thrillers criminais já criados.

Love Me If You Dare



Sinopse: Simon Bo, é um brilhante psiquiatra criminal, que tem a habilidade de entrar dentro das mentes mais misteriosas e violentas do mundo. Ele é um professor na Universidade de Maryland e trabalha como analista e consultor da polícia em casos de crimes violentos, com a ajuda de sua assistente, Jenny Jian. Simon acaba abrindo seu coração para Jenny e eles se apaixonam. Mas um perseguidor de Simon começa a deixar cartas para ele em cenas de crimes, e a lista de suspeitos é pequena. É alguém que conhece Simon e seu misterioso passado. Alguém que vê Simon como um amigo. Alguém que está disposto a matar Jenny para chegar até ele.
Gênero: Thriller, Romance, Drama, Policial, Suspense, Mistério, Crime, Investigação
Nº de Episódios: 24
Ano: 2015
Onde Encontrar: Banzai Dramas (download), Viki (online)

Seria muito injusto eu resenhar este drama como todos os outros, afinal quando encontramos uma trama que realmente nos conquista e nos faz não largá-la até o último episódio é preciso levar isso em consideração. Logo, resolvi dividir o post de acordo com as diversas razões que fazem Love Me If You Dare merecer estar na sua lista doramática!

1) Enredo

O maior motivo que faz Love Me If You Dare ser uma das minhas recomendações é com certeza, o enredo. Com uma mescla de inúmeros gêneros, e desdobramentos que prendem a atenção do telespectador, este é um dos melhores dramas thrillers existentes, conseguindo superar, na minha lista, I Remember You - o qual é bom, mas foi muito light em alguns aspectos. Como diz na sinopse, acompanhamos a trama a partir do nosso protagonista que agora começou a trabalhar com sua assistente desvendando casos violentos para a polícia. O que eu mais gostei do drama foi como os roteiristas relacionaram todos os casos, comprovando na reta final que cada caso investigado era uma ponta das inúmeras conexões criadas para o clímax da trama. Os desdobramentos se dão de forma instigante e para quem curte colocar a cabeça pra funcionar e montar teorias - como a blogueira aqui - para resolver os casos, esse drama é excelente. Por vezes, me vi juntando os fatos e tentando adivinhar quem era o assassino/vilão/ e particularmente, amo tramas que conseguem me envolver desta forma. É o tipo de enredo que cria perguntas todo tempo na sua cabeça, as quais vão desaparecendo à medida que os personagens encontram as evidências. E digo que souberam brilhantemente conectar tudo! Amei muito a interação China-Estados Unidos que ocorre mais na metade do drama, afinal ver o FBI agindo é sempre maravilhoso, melhor ainda quando podemos conferir isto em dorama, né não?!

17 novembro, 2016

The K2 [K-Drama]


Como não poderia faltar, eis que hoje trago resenha do recente trabalho do querido Ji Chang Wook (o querido de Healer - tô devendo essa resenha né?!), o qual mais uma vez provou seu talento e habilidade como ator. Ao lado da Yoona -garota do lion heart-, Chang Wook encenou um dos dramas mais comentados da temporada anterior. Vamos lá, trocar opiniões sobre mais um dorama? Let's Go! (Como diria a Solar - Leg'go!)

The K2



Sinopse: Kim Je-Ha é um ex-soldado, também chamado de K2. Ele é contratado como guarda-costas por Choi Yoo-Jin. Yoo Jin é a esposa de um aspirante a presidente e a filha de uma família rica. Enquanto isso, Go Anna é a filha secreta do candidato presidencial. 
Gênero: Ação, Drama, Romance, Thriller, Política
Nº de Episódios: 16
Ano: 2016
Onde Encontrar: Kingdom Fansubs (download), DramaFever (online)

- Enredo

Como diz na sinopse acima, Kim Je Ha é um ex-soldado que após determinado acontecimento retorna à Coreia do Sul. Seu retorno muda sua vida, ao testemunhar um certo evento, é contratado pela esposa do candidato à presidência, Choi Yoo Jin. Recém-contratado como guarda-costas, Je Ha recebe uma nova vida, em troca de uma oportunidade para vingar-se do responsável por sua saída forçada do exército. Ambos criam uma parceria buscando benefícios para ambos os lados, sendo que isto só acontece após inúmeros eventos que colocam Yoo Jin contra à parede e provam o valor do Kim Je Ha. Ao enxergar a vantagem em tê-lo ao seu lado, Choi Yoo Jin o contrata e o ordena que proteja a filha de seu marido, Go Anna. Anna é obrigada a viver escondendo sua identidade, pois o candidato à presidência Jang Se Joon, não pode se dar ao luxo de um escândalo desses em plena campanha eleitoral. Afinal, ele tem escondido o fato de ter uma filha por anos, e Choi Yoo Jin soube utilizar deste fato para mantê-lo completamente em mãos. Com todo seu poder e influência, Choi Yoo Jin apoia o marido e pretende fazê-lo dele o próximo presidente da Coreia do Sul, independentemente de quem esteja em seu caminho, ela não desistirá de obter o poder de uma primeira-dama, sendo assim, precisa do Jang Se Joon, assim como ele precisa dela. A relação entre os dois é um dos pontos mais importantes da trama, pois mostra como um casal pode construir-se tendo como base uma forte ambição. No meio de tudo isso, Kim Je Ha é inserido, o guarda-costas tem inicialmente um objetivo e ao aproximar-se da Anna, encontra uma outra razão para continuar em seu trabalho.
The K2 é um dorama onde o tema principal é a luta presidencial entre Jang Se Joon e Park Gwan Soo, e ao invés de ser um enredo apenas sobre política, consegue inserir ação e conflitos em toda a sua trama. É uma verdadeira guerra sobre influência e poder, o que garante um ritmo excelente, com muita ação, pancadaria e tretas. Há também doses de comédia, drama e romance, as quais foram inseridas de maneira satisfatória. É um dorama que consegue manter-se interessante do início ao fim, com personagens bem elaborados e um sólido enredo.

14 novembro, 2016

Be Positive (Mini Drama) [K-Drama]


E se você procura um mini drama bem legal para assistir e relaxar, eis que eu tenho a dica perfeita. Admito que só decidi conferir o título por causa da presença do Kyung Soo, (bias <3) entretanto afirmo que valeu a pena ceder uns minutinhos da minha vida para conferir essa simplória mas cativante trama.

Be Positive



Sinopse: Um webdrama sobre a história de Hwan Dong, com especialização em cinema e que está se preparando para seu projeto de graduação como um diretor de filmes. Ele acaba enfrentando dificuldades ao tentar finalizar seu novo projeto.
Gênero: Drama, Romance
Ano: 2016
Nº de Episódios: 6 (aproximadamente 10 min. de duração)
Onde Encontrar: D.O. Brasil (online), Subarashiis Subs (download/ online)

- Enredo

Como diz na sinopse, a história gira em torno do Kim Hwan Dong, um estudante de cinema que para finalizar seu projeto de graduação precisa dirigir um filme. Entretanto, sua faculdade não tem verbas suficientes para o mesmo, e o seu próprio professor não lhe dá inicialmente o apoio financeiro necessário. Após muita insistência do Hwan Dong, seu professor decide dar-lhe uma oportunidade, caso ela consiga uma atriz famosa para interpretar o papel principal de seu filme, ele terá o mínimo apoio financeiro que precisa. A sugestão é que a atriz em questão seja uma aluna recém graduada da faculdade, Srtª Bang Hye Jung, a qual namorou com Hwan Dong anos atrás. Obviamente, ele não gosta muito da ideia, porém como precisa dessa oportunidade, decide agarrá-la e fazer o possível para que tudo dê certo.

08 novembro, 2016

Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo [K-Drama]


É em meio à uma depressão doramática que hoje trago resenha de um dos meus doramas favoritos do ano, aquele que me encantou semanalmente e conseguiu ser um dos únicos o qual fazia o possível e impossível para acompanhar. Geralmente, não assisto muitos dramas de época, e decidi dar uma chance à este título por causa do elenco, daí fui totalmente surpreendida, me apegando inteiramente à trama e personagens. Como descrever tudo que foi Moon Lovers?! Não será fácil, mas garanto que tentarei da melhor forma possível!


Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo



Sinopse: A história se passa no início dos anos do regime Goryeo. 
Hae Soo, uma menina de 25 anos de idade, da era moderna é transportada de volta para a dinastia Goryeo  lá fica presa nos conflitos e lutas entre príncipes da Casa Wang. 
Gênero: Drama, Fantasia, Histórico, Romance, Tragédia
Nº de Episódios: 20
Ano: 2016
Onde Encontrar: Kingdom Fansubs (download), DramaFever (online)

Moon Lovers foi, sem sombra de dúvidas, um dos mais comentados e aclamados pelos dorameiros de plantão, creio que até quem não costumava assistir dramas do gênero, se deu esta oportunidade devido ao elenco de peso presente. Como o título se tornou um dos meus preferidos do ano, e da vida, acho justo fazer a resenha descrevendo os motivos que me fizeram amar e me apegar tanto ao drama. Desde já, digo que o post pode ficar um pouquinho enooorme, mas vocês perdoam né?!

- Enredo bem elaborado: Volta no tempo/ Dinastia Goryeo

Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo conta a história de uma jovem chamada Go Ha Jin, que, certo dia, descobre que seu namorado a traiu com sua melhor amiga. Triste, decepcionada e magoada com o fato, decide ir para um "parque" para pensar na vida... Lá, encontra um mendigo e acaba iniciando uma conversa bem sincera com o mesmo, um verdadeiro desabafo sobre sua situação, relatando tudo que lhe acontecera... Em meio à conversa, Ha Jin percebe que algo grave está para acontecer, a moça tenta impedir, porém acaba se acidentando, coincidentemente na mesma hora em que um eclipse solar ocorre. Momentos depois, Ha Jin acorda no corpo de uma moça extremamente igual à ela, em um "lago" repleto de homens... Sem saber o que está acontecendo e confusa, a moça sai correndo... Após parar para analisar a situação, percebe que está no corpo de outra pessoa exatamente igual a si, e o pior, em uma era totalmente diferente da sua. Ha Jin está agora na Era Goryeo, famosa dinastia da Coreia do Sul, a qual só conhecia através das aulas de história. Além disso, está presa no corpo de Hae Soo, uma jovem que é idêntica à si (Ha Jin), mas que não faz ideia de quem realmente era ou o que fazia. Hae Soo (Ha Jin) encontra-se inicialmente perturbada e chocada com sua situação, entretanto, com o apoio de sua família, especificamente falando, a Srª Hae, Ha Jin consegue se acostumar com sua nova "vida" e se passar pela Hae Soo sem que ninguém perceba a "troca". Assim, Hae Soo estabelece-se ao lado da Srª Hae, como alguém da família, e consequentemente, torna-se próxima do  príncipe, o Wang Wook. Posteriormente, Hae Soo torna-se próxima dos outros príncipes da família Wang e ao lembrar de suas antigas aulas de história, recorda que um dos príncipes é conhecido no futuro como o rei que matou todos os seus irmãos para se tornar assumir o trono. Logo, Hae Soo decide tentar descobrir à qual príncipe a história se refere, tentando mudar a história trágica da família Wang.

05 novembro, 2016

PAUSE: Outubro


Mais um post da PAUSE - o qual saiu até adiantando, né?! Haha- e como de costume, deixo aqui a minha recomendação para que deem um pulinho no blog Louca por Viver e assim conferirem o que a Jusley mais ouviu no mês passado. Segue abaixo a minha playlist:


1) Eu acho que vocês não aguentam mais ver esta canção em primeiro lugar, mas o que fazer quando determinada faixa gruda na sua vida?! Então, novamente, temos For You - EXO CBX - OST Moon Lovers - em breve resenha! - marcando presença aqui. E enquanto eu tento superar o dorama em si, nada melhor do que continuar ouvindo a OST, não é mesmo?! 



♫ Meu amor, olhe pra mim
Você ainda me ama?
Meu amor, olhe em meus olhos e diga-me
Que um coração repleto de amor é incapaz de se esconder
Nunca se esqueça da verdade
Que eu estive ao teu lado
Não apague o meu coração
Que seria capaz de sacrificar tudo por ti
Mas eu não sei
Quando você se instalou em meu coração?
Eu não sei
A razão pela qual o meu coração se agita ao te ver ♫

02 novembro, 2016

Orange [Mangá]


E como há tempos a blogueira aqui não traz resenha de um mangá, decidi mudar este fato e vir comentar sobre um dos títulos mais queridinhos dos leitores desde um tempo atrás. Recentemente, o live action desse mangá foi lançado e o anime será um dos lançamentos da próxima temporada no Japão, logo, como estava sentido aquela saudade de ler um mangá curtinho - para sair um pouco dos que estou lendo e tão cedo não terminarão - optei por este que me foi muito recomendado por algumas pessoas. E sinceramente, está aqui um daqueles mangás maravilhosos que merecem todo o sucesso que conseguem, se você ama ler os quadrinhos japoneses, este com certeza, tem obrigação de estar na sua lista.

Orange


Gênero: Drama, Romance, Escolar, Shoujo
Mangaká: Takano Ichigo
Nº de Capítulos: 27
Onde Encontrar: Mangá Host
Ano: 2012 - 2015
Sinopse: Em um dia, Naho recebe um carta de si mesma de dez anos no futuro. Como Naho lê, a carta recita exatamente os acontecimentos do dia, incluindo a transferência de um novo aluno em sua classe chamado Naruse Kakeru. A Naho de dez anos mais tarde, repetidamente afirma que ela tem muitos arrependimentos, e que precisa corrigi-los, especialmente os que envolvem o recém chegado Kakeru.

Orange foi um mangá que permaneceu na minha interminável lista por muito tempo, antes mesmo dele se tornar tão conhecido como é hoje, uma amiga minha comentou sobre o título e me atiçou aquela vontade de querer lê-lo. Apenas agora com a notícia do live action e do anime, finalmente tomei vergonha na cara e fui conferir a obra original, a qual me conquistou totalmente, me fazendo sentir a obrigação de trazer resenha dele pra vocês. Temos aqui a história de uma garota chamada Naho, ela recebe uma carta de si mesma de dez anos no futuro, nela está descrito diversos acontecimentos, um em especial, envolvendo o novo estudante transferido chamado Naruse Kakeru. A Naho do futuro mandou a carta para que sua "eu" desse passado/presente/ pudesse livrar-se de futuros arrependimentos, com os quais ela - a Naho do futuro - tem vivido por tanto tempo. 

31 outubro, 2016

~KPOPANDO: Outubro


Mais um mês acabando e após ele, ficamos com infinitos debuts e comebacks grudados na cabeça... O que dizer de outubro?! O mês que oscilou entre um Kpop bem "comum" e um totalmente inovador está indo embora, e para vocês não ficarem desinformados, temos aqui a listinha de tudo que rolou no mês das bruxas, confiram!


FIGHTER - MONSTA X



Iniciando o mês eis que o MONSTA X apareceu embarcando em um estilo "lutadores bonitões". A canção em si é legal mas ainda estou em um processo chamado "preciso superar Stuck". Ah! Esse final aí ficou muito Lucky One e senti um plágio bem descarado, nada que diminuísse meu recente interesse no grupo porém, foi impossível de ignorar sabe?!

27 outubro, 2016

Lucky Romance [K-Drama]


Se formos citar os doramas mais cativantes do ano, este aqui, com certeza, merece estar na lista. Já posso afirmar que este título é uma das melhores comédias românticas de 2016, afinal, o mesmo conseguiu me envolver totalmente, mais até do que Beautiful Gong Shim, acreditam?!

Lucky Romance



Sinopse: O que é uma sentença de morte bizarra? Shim Bo Nui é muito supersticiosa e leva tudo o que os adivinhos dizem a ela como evangelho buscando qualquer maneira para tirar sua má sorte. Ela acredita que sua irmã que se encontra em coma está assim por sua causa e na busca de fazer com que ela acorde, Bo Nui decidi ir à um cartomante. Ele diz que, menos que ela durma com um virgem do sexo masculino que tenha nascido em 1986 (o ano do tigre), sua irmã não acordará. Então, a partir daí, ela desencadeia uma fervorosa "caça ao homem". Quando percebe que Je Soo Ho, o CEO de uma empresa de desenvolvimento de jogos, atende a todos os critérios necessários, ela tenta persegui-lo. 
Gênero: Romance, Comédia, Drama
Nº de Episódios: 16
Ano: 2016
Onde Encontrar: Viki (online), Puri Puri Fansub (download)

Este dorama conseguiu uma vaga na minha listinha "mais adoráveis do ano!", então achei justo separar a resenha indicando as razões que fazem de Lucky Romance um ótimo enredo, o qual merece ser visto por todos os dorameiros!

1) Enredo fofo, divertido e delícia de assistir!

Shim Bo Nui é uma mulher extremamente supersticiosa, sempre acreditando e seguindo fielmente os conselhos de um cartomante. Desde a morte de seus pais, e o acidente que deixou sua irmã em coma, acredita que possui um espírito que traz má sorte a qualquer um que a ame ou se aproxime dela. Logo, adota medidas de prevenção, como símbolos em todos os cantos da casa, sal em qualquer ambiente que esteja e etc. Certo dia, o cartomante diz à Bo Nui que se ela dormir com um homem virgem nascido no ano do tigre (1986), sua irmã acordará do coma. Então, a louca supersticiosa decide buscar este tal homem, entretanto, ela tem um prazo definido, será que conseguirá encontrar este rapaz antes do prazo acabar? Enquanto isso, ela começa a trabalhar em uma empresa de desenvolvimento de jogos, a Zeze. Lá, conhece o CEO Je Soo Ho, o qual coincidentemente é um rapaz nascido no ano do tigre. Shim Bo Nui decide investir no moço, passando a praticamente persegui-lo - o que garante ao telespectador boas risadas - no intuito de convencê-lo a passar uma noite com ela. Porém, Soo Ho é um nerd que nunca namorou, sequer entende de mulheres pois seu primeiro amor foi embora sem ao menos se despedir. Na tentativa de fazer o CEO dormir com ela, Bo Nui acaba aproximando-se do rapaz, ajudando-o em muitos momentos difíceis, e esta aproximação resulta em um outro tipo de sentimento. O mais legal de Lucky Romance é que os roteiristas souberam brilhantemente manter o ritmo do dorama, mesclando um romance fofo com cenas de comédia divertidas e claro, aquela pitada leve de drama. Foram 16 episódios envolventes e bem deliciosos de assistir, há quem não curtiu ou até mesmo, achou-o chato... Já eu, me vi totalmente cativada pelo enredo e personagens, principalmente pelo romance que conseguia me arrancar uns "owns". Não é um dos enredos mais surpreendentes, surtantes ou criativos do ano, porém, acho que merece lugar na sua lista devido a todos os motivos que citarei no post.

21 outubro, 2016

Doctors [K-Drama]


Após séculos, finalmente criei coragem , ânimo e vontade para finalizar este título - confesso que o impulso que tava faltando na minha vida foi a enquete aqui do blog - que segundo à minha percepção agradou muitos dorameiros. E enquanto uns gostaram muito de Doctor Crush,- título alternativo -eu simplesmente acabei empurrando-o com a barriga. Por quê? Continuem lendo e descubram!


Doctors



Sinopse: Quando Hye Jung era jovem, sua vida era difícil. Ela sofreu abusos na criação e tem uma personalidade forte. Superando sua situação difícil, é agora uma médica. No entanto, ela muda depois de conhecer seu mentor Hong Ji Hong, ele mostra à ela os erros do seu caminho e a ajuda a ser uma pessoa melhor.
Gênero: Drama, Romance, Médico, Comédia
Nº de Episódios: 20
Ano: 2016
Onde Encontrar: Viki (online), DramaFever (online), Fighting Fansub (download)

- Enredo

Yoo Hye Jung é uma garota rebelde que por circunstâncias inesperadas da vida precisa mudar-se de cidade e é deixada pelo pai aos cuidados da avó, Kang Mal Soon (Kim Young Ae). A relação das duas inicialmente não é boa, afinal, Hye Jung é o tipo de jovem que não respeita os mais velhos e pretende fazer o que bem entende da vida. Porém, sua avó decide tentar compreender a neta, entender porque ela tornou-se tão rebelde e dura, aproximando-se aos poucos e incentivando a moça a se abrir. a conversar sobre o que sente, justamente por perceber que tudo que a neta precisava era de alguém que lhe desse atenção e educação. Claro, não de modo grosso ou frio, como o pai tentara fazer, mas sim, com uma conversa, uma aproximação branda, e com isso, logo as duas começam a se entender melhor. Pensando no futuro da neta, Mal Soon a incentiva à estudar, crescer profissionalmente e torna-se uma pessoa digna e respeitada na carreira escolhida, com este incentivo e apoio, Hye Jung decide tornar-se uma médica. Com a ajuda de seu professor de classe e também "vizinho" - o rapaz é morador de um dos quartos alugados pela avó da Hye Jung - Hong Ji Hong, ela decide estudar pra valer e buscar um novo futuro. Na escola, Hye Jung também muda seu comportamento, passando de uma rebelde sem causa para um aluna empenhada e com a ajuda da melhor estudante da classe, a Jin Seo Woo, a moça consegue se destacar nos estudos. O que a Hye Jung não esperava era que seu envolvimento mais íntimo com o Ji Hong lhe traria problemas, tanto por serem aluna-professor, quanto por sua recém adquirida amiga ter uma quedinha por ele. Juntando os ciúmes da relação entre os dois e a inveja de ter ficado pela primeira vez na vida em segundo lugar na escola, Seo Woo espalha um rumor maldoso e prejudica ambos os envolvidos. Sem contar que a avó da Hye Jung descobre um câncer, trazendo mais sofrimento para a vida da moça, e justamente por causa deste fato e da falta de consideração do médico que operou sua amada avó, Hye Jung mantem sua força e determinação para tornar-se uma médica. Anos depois, a moça torna-se uma neurocirurgiã respeitada, e começa a trabalhar em um grande hospital. Lá reencontra seu ex professor e agora colega de trabalho, Hong Ji Hong. Como perceberam o enredo em si é bem interessante, entretanto, o que chateou em Doctors foi a maneira como a trama foi ficando maçante, um ritmo bem zzzz, sem qualquer desdobramento realmente empolgante. Não que isso seja realmente um problema pois dependendo da trama podemos ter um dorama excelente mesmo sem grandes reviravoltas, como exemplo, Cinderella and the Four Knights. O problema é que eu não consegui sentir aquele feeling com este título, sempre curto doramas deste gênero e os acho realmente maravilhosos por nos proporcionarem histórias de pacientes e médicos, focando e desenvolvendo cada um deles, porém, não senti que Doctors realmente fez isso. Alguns casos específicos de pacientes foram realmente comoventes, entretanto, os médicos em si não aparentavam a grande paixão e vocação pela profissão, o que é bem nítido em dramas do tipo, como exemplo, Good Doctor e D-Day. No geral, este foi o tipo de dorama que o avanço dos episódios diminuía meu nível de empolgação...

17 outubro, 2016

PAUSE: Setembro


A PAUSE está novamente um pouquinho atrasada, mas nada que não dê para superar, né?! Confiram também a lista da blogueira do Louca por Viver e, sem mais enrolação, vamos à minha playlist!


1) Em primeiro lugar, a canção na qual viciei completamente, eu realmente preciso ouvi-la todos os dias, aquela dose diária básica de OST, sabem como é né?! Pois é! Moon Lovers ainda não acabou mas já ganhou um lugar especial na minha lista doramática, e só de ouvir a canção tema já fico toda emocionada. O melhor de tudo é poder ouvir as maravilhosas vozes do Xiumin, Chen e Baekhyun, já quero essa sub- unit promovendo este single! o/


♫ É um lugar diferente, uma época diferente
Mas o meu amor é o mesmo
Até mesmo pelo teu perfume que se vai com o vento
Eu sei que esta é você
Mas eu não sei
Quando foi que você se instalou em meu coração
Eu não sei
A razão pela qual meu coração se agita ao te ver ♫

12 outubro, 2016

Oh My God! [Ch-Movie]


E como todos os integrantes do EXO decidiram atuar, a lista da EXO-L aqui está lotada de projetos deles... Desta vez, fui conferir o filme que conta com a presença do nosso querido chinês, o Lay, e olha, foi uma ótima ideia.

Oh My God!



Sinopse: Conta a história de um casal que fervorosamente pediu uma bênção. Como resposta a seu pedido, os céus os presenteiam com um bebê. A partir daí, a nova família terá que aprender a viver com essa bênção enquanto passam pelos momentos felizes e tristes da vida. [Fonte: Kingdom Fansubs]
Gênero: Comédia, Ficção Científica, Romance
Ano: 2015
Onde Encontrar: Kingdom Fansubs (download/online)

Sabe aquele filme com um roteiro meio sem noção, mas que consegue ser interessante e até divertido?! Eis aqui um! Oh My God! traz um enredo simplório, sem grandes reviravoltas ou intuito de transmitir uma mensagem profunda, entretanto, consegue ser tão gostoso de assistir que o telespectador logo esquece que não tem algo "tão incrível" nele . É aquela trama que tu acha boba, mas que ao término dela percebe o quanto foi legal poder conhecer aqueles personagens e vivenciar junto com eles inesperadas situações. O filme tem pitadas de "drama básico" e um leve tom de comédia, 
o qual tornava ainda mais prazeroso acompanhar o desenvolvimento da história.

09 outubro, 2016

Cinderella and the Four Knights [K-Drama]


Como não poderia perder tempo, fiz questão de fazer esta resenha e publicar para vocês, afinal, drama bom e completamente amorzinho como este, deve ser recomendado para todos os dorameiros de plantão. Posso dizer que este título foi uma daquelas maravilhosas surpresas da temporada, iniciei sem grandes expectativas e quando percebi já estava fervorosamente conferindo os episódios só pra ter minha dose semanal da trama coreana da Cinderella.

Cinderella and Four Knights



Sinopse:  Uma adolescente espirituosa, esperta e simpática, boa em esportes, odeia sua vida em casa devido à sua nova madrasta e meia-irmã. Ela sonha em fugir de casa onde é tratada como uma intrusa. Um dia ela ajuda um senhor e ele faz uma oferta incomum para ela. Ela é convidada para vir morar em uma mansão gigante e frequentar uma prestigiada escola secundária, onde ela começa a perseguir seu sonho de se tornar professora. Há outros quatro moradores nesta casa - três belos primos e um secretário- que são teimosos e livres para fazerem o que quiserem. Ela abre os corações gélidos deles e os torna a sua própria pequena família, e encontra o amor ao longo do caminho. (Fonte: MyDramaList)
Gênero: Romance, Comédia
Nº de Episódios: 16
Ano: 2016
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download e online), Drama Fever (online), Meteor Dramas (download), Fighting Fansub (download e online)

- Enredo "Conto de Fadas: Cinderella"

O enredo de Cinderella and the Four Knights é realmente uma alusão ao conto de fadas da Cinderela. Eun Ha Won é um jovem pobre que perdeu a mãe quando jovem e desde então, mora com seu pai, madrasta e irmã em uma pequena casa. Seu pai é caminhoneiro e passa pouco tempo em casa, preferindo estar na rua, mundo afora, fugindo da convivência com sua própria filha, e família. Como quase nunca ele está em casa, Ha Won é tratada mais como um empregada do que enteada pela própria madrasta, a qual só enxerga a filha antipática, porém, a mocinha não se deixa desanimar e visa futuramente conseguir uma vaga em uma faculdade prestigiada. O destino então a surpreende e lhe traz uma oportunidade um tanto quanto incomum, o presidente do grupo Haneul após conhecê-la em uma ocasião "especial" a faz uma proposta irrecusável. Ele lhe diz que se ela morar com seus três netos herdeiros e conseguir fazê-los amadurecer e se tornarem mais responsáveis, lhe dará o dinheiro necessário para o pagamento das parcelas de sua futura faculdade. A protagonista não se sente à vontade com a oferta de imediato, mas após uma briga com seu pai, decide ir atrás de seu futuro e encarar esta difícil missão. Eun Ha Won então vai morar na Sky House, mansão onde os primos Kang moram, com a difícil missão de fazê-los se darem bem, é claro que isso não será simples de se fazer, considerando que os três se detestam e não tentam realmente se entender. A partir dessa premissa, o enredo se desenvolve aproveitando-se de cada personagem, conseguindo ser o tipo de dorama clichê, sem grandes desdobramentos e/ou reviravoltas estranhamente cativante e viciante. Acompanhei semanalmente e cada vez me sentia mais cativada pela história e personagens, é como se todos já tivessem se tornado parte da minha rotina e sem contar que tornou-se uma válvula de escape para o estresse do cotidiano. Afinal, assistir um dorama tão amorzinho é relaxante, por este motivo, acho que Cinderella and the Four Knights merece um lugar na sua lista doramática!

Compartilhe