30 dezembro, 2016

~KPOPANDO: Dezembro


Saindo antecipadamente no penúltimo dia do ano - porque eu, assim como vocês, pretendo aproveitar o reveillon - eis que trago aqui a lista com os singles finais de 2016. Dezembro sempre traz aquelas canções natalinas irritantes mas até que este ano, conseguimos algo menos entediante e alguns pouquíssimos grupos lançaram coisas decentes. /aêew/


MYSTERY - HYOYEON (GIRLS GENERATION)



Iniciando o mês temos uma faixa do STATION, e ao contrário da maioria das canções do projeto, as quais sempre tendiam ao zzzz, esta, aposta em um lado mais enérgico e poderoso. Não curti porque não faz o meu estilo e, sinceramente, não lembro de ter visto essa menina no Girls Generation - será uma figurante lá?! - porém, vocês podem acabar gostando. 
Confiram e decidam se vale a pena colocar na playlist capopense de vocês!

23 dezembro, 2016

Shopping King Louie [K-Drama]


Se você está procurando uma comédia romântica doramática que te faça vomitar LITROS de arco-íris, eis que hoje trago a dica perfeita! Sinceramente, quem ainda não conferiu este dorama, deveria se apressar e iniciá-lo agora mesmo!!!!

Shopping King Louie



Sinopse: Louie, é um rico herdeiro que, devido à sua frustração de não ser capaz de lembrar de seu passado, sempre gasta dinheiro para comprar qualquer coisa com indiferença. Um dia ele conhece Bok Shil, uma mulher pura e enérgica que lhe ensina que o amor não é algo que o dinheiro pode comprar.
Gênero: Comédia, Romance, Drama
Nº de Episódios: 16
Ano: 2016
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download/online), Kkulbeol Dramas Fansub (download/ online), Fighting Fansub (download/online), Kkulbeol Dramas (download, online), Viki (online

Como costumo fazer quando curto muito determinado dorama, dividirei este post em tópicos, dando-lhes as razões que fazem deste título merecedor de uma posição na sua  - eu sei que enooorme - lista doramática!

1) Uma ótima comédia romântica com pitadas de drama

Louie é um jovem rapaz obrigado a viver na França isolado em um castelo devido à superproteção da avó, Choi Il Soon. Tudo porque sua vovó acredita ter uma má sorte que afeta todos que ama, e como perdeu o filho e nora, acredita que pode acabar tendo que se despedir cedo demais de seu querido neto. Enquanto Louie vive isolado, gastando dinheiro sendo um perfeito comprador, conseguindo reconhecer com seu dom único, qual o melhor produto a ser comprado, consequentemente ganhando o apelido de Rei das Compras Louie... Go Bok Shil é uma menina caipira do interior que mora apenas com sua avó e seu irmão mais novo, Go Bok Nam. Certo dia, uma equipe de profissionais em documentários decide fazer um filme sobre a região e o que pode encontrar-se nela, Bok Nam maravilhado com a possibilidade de conhecer uma cidade grande e sair do interior, foge para Seul junto com a equipe. Bok Shil fica sozinha com a avó e a mesma acaba falecendo. Então, a garota caipira decide ir para Seul procurar seu único parente, agora seu irmão Bok Nam. 
No meio do caminho é assaltada e perde seus pertences bem como todo seu dinheiro, sua única opção que resta é vender um ginseng que colhera em sua região. A moça encontra um potencial comprador e após uma certa confusão, ele adquire o produto e deixa seu número com ela para que ambos possam entrar em contato. Bok Shil não esperava que o rapaz que comprou seu produto era o Sr. Cha, gerente da Godline, empresa a qual a Choi Il Soon é dona e futuramente, seu sucessor será o Louie. Inesperadamente, os destinos de Bok Shil e Louie cruzam-se quando a moça o encontra na rua como um mendigo e este está vestindo a camisa que Bok Shil comprara e bordara com o nome do irmão, Bok Nam. Bok Shil está decidida a encontrar seu irmão mais novo e Louie parece saber onde ele está, entretanto, o rapaz perdeu suas memórias e não lembra de nada dos últimos dias, ou mesmo dos últimos anos, nem lembra quem é... Bok Shil decide apoiar Louie para que ele recupere suas memórias e assim, relembrar onde Bok Nam está. Como perceberam, Shopping King Louie tem um enredo simplório, mas que mesmo assim, passa longe do clichê e consegue ser aquela comédia romântica extremamente cativante. Quem curte tramas leves, com personagens carismáticos, desdobramentos com bom ritmo e um romance principal de fazer-lhe vomitar arco-íris, PRECISA iniciar imediatamente este dorama!

19 dezembro, 2016

Falling for Challenge (Mini Drama) [K-Drama]


De vez em quando, aparece aquele mini drama fofo e cativante que consegue prender sua atenção e você não consegue largá-lo até ter conferido cada um dos episódios. Foi justamente o que me aconteceu ao ver este título e sério, acho que ele merece um lugar na lista de vocês!

Falling for Challenge



Sinopse: Na Do Jeon, é um palhaço inspirado em Pierrot, e sua paixão é ver as pessoas felizes. Ban Ha Na é uma estudante batalhadora que sonha iniciar seu próprio negócio de food truck. A trama se desenrola quando Ha Na se encontra com Do Jeon, e o convida para participar do seu clube escolar, que está prestes a ser fechado.
Gênero: Romance, drama
Nº de Episódios: 06
Ano: 2015
Onde Encontrar: Exo Planet (online), Viki (online)

- Enredo


O roteiro de Falling for Challenge é bem simplório, mas consegue ser extremamente cativante. Ban Ha Na é uma jovem que sonha em iniciar um negócio de food truck - negócio no qual veículos são adaptados para servir refeições - e ao mesmo tempo em que busca seu sonho, precisa lidar com o fato de seu reitor querer fechar o seu clube escolar. Logo, após um encontro inesperado com um palhaço, o convida para se juntar ao seu clube para assim talvez conseguir mantê-lo vivo. A partir daí, embarcamos nas aventuras de Ha Na e seus participantes do clube, os quais à medida em que se aproximam com o objetivo de salvar o clube tornam-se amigos. Como eu disse, é um enredo bem simples porém consegue prender a atenção do telespectador, e como é curtinho torna-se relaxante assistir todos os episódios de uma única vez.

16 dezembro, 2016

Orange - Live Action [J-Movie]



Como prometido, hoje trago resenha do live action de um dos mangás de grande sucesso no Japão: Orange (confira a resenha do mangá, clicando aqui). Para saber o que achei da adaptação cinematográfica, continue lendo o post!



Sinopse: Em seu primeiro dia de aula, Takamiya Naho, de 16 anos, recebe uma carta estranha, com o remetente vindo de si mesma, de dez anos no futuro. No início, ela acha que a carta é uma brincadeira, mas depois as coisas escritas na carta realmente passam a acontecer, incluindo o novo aluno transferido que se senta ao lado dela na sala de aula, Naruse Kakeru. A carta é como seu diário, e narra tudo com perfeição, até os mesmos personagens – que são seus amigos. Naho então decide ler a carta até o fim. Na carta, ela de 27 anos de idade, diz a ela de 16 anos de idade, que seu maior arrependimento é que Kakeru já não está com eles no futuro, e pede a ela para vigiá-lo de perto.
Gênero: Drama, Romance
Ano: 2015
Onde Encontrar: Mahal Dramas Fansub (download/online), Dopeka (online)

- Recapitulando o enredo:

O enredo de Orange conta a história de Naho, uma garota que recebe uma carta de si mesma de dez anos no futuro, nela está descrito diversos acontecimentos, um em especial, envolvendo o novo estudante transferido chamado Naruse Kakeru. A Naho do futuro mandou a carta para que sua "eu" desse passado/presente/ pudesse livrar-se de futuros arrependimentos, com os quais ela - a Naho do futuro - tem vivido por tanto tempo. Decidida a não cometer os mesmos erros que sua "eu" do futuro cometeu, a Naho do presente decide fazer novas escolhas, tentando tudo que estiver ao seu alcance para mudar o principal arrependimento do passado. Não apenas ela, mas seus outros amigos também acabam tornando-se próximos do recém-chegado, logo, o grupo torna-se inseparável, sendo fiéis companheiros do Kakeru. Será que essa amizade poderia mudar o principal futuro arrependimento da Naho, no qual Kakeru não está mais presente?! Para maiores esclarecimentos sobre o enredo, aconselho lerem a resenha do mangá - clique aqui - antes de continuar lendo este post, pois continuarei esta resenha comentando sobre a adaptação em si, senão a tornaria uma repetição do post anterior.

12 dezembro, 2016

Suki na Hito ga Iru Koto [J-Drama]


Como há tempos eu não conferia um J-Drama, decidi dar uma oportunidade à um dos títulos mais comentados no twitter este ano. E olha, valeu MUITO a pena sair um pouco dos kdramas, afinal, japoneses tem uma maneira única de contar uma história, e sempre que possível é bom espiar o que eles andam produzindo no mundo doramático.

Suki na Hito Ga Iru Koto



Sinopse: Sakurai Misaki é uma confeiteira que trabalha duro e sonha em abrir seu próprio negócio. Um dia, ela acaba sendo demitida de seu emprego e coincidentemente esbarra em Shibasaki Chiaki, seu primeiro amor nos tempos de colégio. Ao ouvir o que aconteceu, Chiaki convida Misaki para trabalhar com ele no restaurante à beira-mar de sua família, junto com seus dois irmãos mais novos, Kanata e Touma. A jovem passará o verão ao lado dos três belos irmãos.
Gênero: Romance, Comédia, Food
Nº de Episódios: 10
Ano: 2016
Onde Encontrar: Mahal Dramas Fansub (download/ online)

Saindo um pouco do habitual, optei por dividir a resenha de acordo com os motivos que fazem deste título uma ótima alternativa para sair do universo kdrama e se aventurar na teledramaturgia japonesa. Segue abaixo 10 razões que fazem de Suki na Hito ga Iru Koto merecedor de uma posição na sua lista doramática!

1) Enredo clichê mas imperdível!

Qualquer dorameiro que esteja há um tempo neste vício, conhece aquela velha trama onde uma menina decide morar com n rapazes por algum motivo, passando a conviver com eles e seus problemas. É aquele típico clichê que sempre está presente no universo doramático, esse ano tivemos também Cinderella and the Four Knights, o qual segue a mesma premissa. Porém, mesmo com toda a mesmice, sempre há aqueles títulos que conseguem se manter e ter um diferencial na forma como desenvolvem o enredo e Suki na Hito ga Iru Koto faz isso muito bem. Sakurai Misaki é um jovem confeiteira, a qual sonha em trabalhar no exterior, exibindo toda sua criatividade através de seus bolos. Entretanto, certo dia é demitida de seu emprego em uma padaria e coincidentemente encontra seu ex amor de colégio, Shibasaki Chiaki. Chiaki é administrador de uma rede de restaurantes, e como o restaurante de sua família, o Sea Sons, está precisando de uma confeiteira, convida Misaki para trabalhar com ele em sua cidade natal. O verão se aproxima e como Misaki precisa recomeçar, aceita a proposta, imediatamente mudando-se para a cidade litorânea na qual seu ex amor trabalha. Ao chegar lá, a moça descobre que Chiaki não mora sozinho e sim com seus dois irmãos mais novos, Touma e Kanata. A nova confeiteira agora precisa adaptar-se ao novo trabalho e também ao seu novo estilo de vida, no qual divide a casa com 3 belos garotos com personalidades totalmente diferentes umas das outras. A partir daí, temos um enredo clichê mas convidativo com aquele jeitinho único de contar uma história, aquela maneira que só os japoneses conseguem fazer, a qual lembra muito os clássicos animes e mangás shoujos. No geral, Suki na Hito Ga Iru Koto é divertido, fofo e bem legal de se assistir, conseguindo manter um ritmo leve, sem enrolações desnecessárias e com desdobramentos que mantém o interesse do telespectador.

06 dezembro, 2016

Beautiful Mind [K-Drama]


E após meses na minha lista, finalmente consegui um tempinho para conferir este título que só pela sinopse me agradara muito. E após assistir todos os episódios, apenas posso afirmar que o melhor dorama médico do ano até então está aqui - perdão fãs de Doctors - e querem saber o porquê?! Leiam o post e entendam...

Beautiful Mind



Sinopse: Um misterioso drama médico sobre um neurocirurgião psicopata gênio e uma detetive da divisão de crimes violentos. Lee Young Oh é um cirurgião cardiotorácico do sexo masculino que se torna um novo professor assistente no hospital. O drama promete lançar o quadro processual médico habitual e vai contar uma história misteriosa sobre "alguém que mata, alguém que salva, alguém que persegue, e alguém que é perseguido."
Gênero: Melodrama, Médico, Mistério, Psicológico, Romance
Nº de Episódios: 14
Ano: 2016
Onde Encontrar: Urameshi Downs (download/online), Viki (online), Mahal Dramas Fansub (download/online)

- Enredo

Dr. Lee Young Oh é um cirurgião que acaba de chegar ao país e estabelecer-se como um dos principais médicos do grande e renomado Centro Médico HyunSung. Com sua personalidade um tanto quanto diferente, encontra dificuldades para relacionar-se com seus companheiros de trabalho e até mesmo com seus pacientes. O que ele não esperava é que alguns acontecimentos estranhos ocorreriam em seu novo local de trabalho, como exemplo, o desaparecimento do coração de um cadáver que instantes atrás tinha sido paciente na emergência. A agente de trânsito Gye Jin Sung que conhecera por acaso o falecido percebe que há um mistério no ar e decide investigar, pedindo transferência para a divisão de crimes violentos. Jin Sung é uma ex paciente, a qual ficou internada tempos atrás no mesmo hospital sobre os cuidados do médico Hyun Suk Joo, então pede a ajuda do moço para poder investigar melhor o caso. Com o início das investigações, o principal suspeito torna-se o "estranho" Dr. Lee Young Oh, então Jin Sung é obrigada a manter o médico sob vigilância. O que não impede que outros acontecimentos estranhos ocorram no hospital, inclusive, a morte de outros médicos. Com isso, os boatos de que há um serial killer no hospital surgem e Jin Sung empenha-se em descobrir quem seria este maníaco. O enredo de Beautiful Mind é um dos mais originais que eu já vi, afinal dramas médicos com essa pegada de mistério não são tão vistos assim na teledramaturgia coreana. Temos um dorama original e bem elaborado, além de personagens magnificamente bem construídos, como exemplo, o próprio protagonista. O ritmo não cai e o drama fica cada vez mais interessante, atiçando a curiosidade do telespectador, o melhor de tudo é que não prolongam o mistério até o fim, este é resolvido sem enrolação e logo, outras  pontas deixadas anteriormente vão sendo trabalhadas. E um dos pontos mais consideráveis do enredo foi o fato de explorarem perfeitamente a relação médico-paciente, mostrando toda a vocação, amor e orgulho que os médicos sentiam de sua profissão. Fato que não senti muito em Doctors, pelo contrário, isto faltou à trama, e em Beautiful Mind este fator tão importante em dramas médicos ficou bem claro, e foi devidamente explorado, o que me fez gostar mais ainda do dorama.

04 dezembro, 2016

PAUSE: Novembro


O ano já está indo embora e minha playlist continua quase a mesma, querem saber quais os singles que mais ouvi mês passado?! Continuem lendo o post! E não esqueçam de espiar o blog Louca por Viver e conferir a listinha da Jusley também, okay?!


1) Em primeiro lugar: For You - EXO CBX. Pois é, Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo acabou mas meu amor por esta OST ainda continua. Tá impossível superar o fim do dorama, e meu mês passado foi embalando pela faixa do mesmo. Fazer o que, né?! Estou numa depressão pós dorama querido...



♫ Nunca se esqueça da verdade:
Que eu estive ao teu lado
Não apague o meu coração
Que seria capaz de sacrificar tudo por ti
Mas eu não sei
Quando você se instalou em meu coração?
Eu não sei
A razão pela qual meu coração se agita ao te ver
Você pode passar direto ao ver
Porque você se esqueceu de mim
Até que você se lembre
Eu desejarei a ti
No mesmo lugar e ao mesmo tempo, nós estamos juntos
Você pode sempre vir até mim, voltar ao teu lugar ♫

Compartilhe