08 maio, 2016

Death Note [Anime]


Baseado no mangá de mesmo nome (para lê-lo, clique aqui), DN é um daqueles animes clássicos que são tipo obrigatórios na lista de qualquer otaku presente na sociedade. Com uma trama inteligente, o anime foi um sucesso e claro, é mais que merecedor de ter resenha aqui no blog, por isso, trago hoje esta ótima recomendação:

Death Note



Gênero: Mistério, policial, investigação, thriller
Nº de Episódios: 37
Ano: 2006 - 2007
Onde Encontrar: Animakai
Sinopse: Um aluno de ensino médio sai em uma aventura secreta procurando matar criminosos pelo mundo depois de descobrir um caderno com nomes de suas vitimas.

Yagami Raito é um estudante do ensino médio que considerava sua vida tediosa até encontrar um caderno denominado Death Note. Ao tocá-lo passa a enxergar um ser de outro mundo, na verdade, um deus Shinigami (um deus da morte) que o conta as regras de uso do caderno. Raito então descobre que agora é possuidor de um poder sobrenatural, o humano cujo o nome seja escrito na página do Death Note morrerá, com esta oportunidade, ele então decide acabar com cada criminoso na face da terra. Ao dar início a esta eliminação em massa dos bandidos, o moço chama a atenção da polícia (não seria nada normal todos os bandidos começarem a morrer do nada, certo?) e com isso, uma equipe é formada para tentar encontrar este justiceiro oculto, o qual se tornou conhecido como Kira. As investigações começam sobre o comando de L, um detetive famoso que já trabalhou anteriormente com a polícia japonesa e se tornou conhecido por sua incrível inteligência. L e Kira então, começam a se confrontar, mas não fisicamente, e sim intelectualmente. Como eu disse, Death Note é um anime inteligente e ambos os protagonistas aqui, te mergulham em uma verdadeira trama bem elaborada. De um lado, Kira julgando como se fosse um deus todos os que cometem crimes, do outro, L, que não acha justo um ser humano aplicar punição com suas próprias mãos. 
Façam suas apostas e descubram quem irá ganhar esta guerra conferindo o anime!

Considerações Importantes


- Roteiro

Death Note consegue ter um ótimo ritmo. A trama realmente consegue prender o telespectador pois consegue manter a batalha Kira vs L bem interessante. 
A todo tempo ambos planejando maneiras de apanhar o outro e fazendo suas mentes pensarem como se fossem o inimigo. E sério, ficar presa no meio dessas duas mentes brilhantes é incrível. Ao conferir os episódios você embarca na visão de ambos e até ganha alguns questionamentos reflexivos que são bem colocados no enredo, justamente para fazer o telespectador se prender mais ainda a esta história. Claro, nem tudo é perfeito e acho que após determinado evento, o anime perdeu um pouco a graça, porém, ao tentar entender o porquê daquilo, consegui perdoar os roteiristas. No geral, Death Note é um anime que te traz uma reflexão sobre como seria se um justiceiro surgisse com a proposta de matar todos os bandidos da face da terra, como as pessoas reagiriam? É certo julgar, mesmo que sejam bandidos, desta forma? Matar seres humanos de má índole o torna um criminoso ou na verdade, justiceiro? São questões importantes, as quais é impossível não se perguntar ao conferir o anime. 

- Amane Misa


A protagonista feminina foi o tipo de personagem que eu acabo desgostando ao decorrer dos episódios. De início, Amane se torna totalmente dependente do Raito, ela o ama e seria capaz de fazer qualquer coisa que ele mandasse. O problema da moça na trama é que a personagem ao invés de evoluir, retrocede. Inicialmente, temos uma Misa cabeça de vento que só obedece ao Raito, porém, ainda demonstra ser minimamente inteligente em alguns momentos. Ela tem seus motivos para apoiar tanto Raito quanto Kira (que são a mesma pessoa, para a felicidade dela) e sua fidelidade é até admirável, porém, os episódios vão passando, e a imaturidade da moça só aumenta e sério, eu estava sem paciência pra isso. Pareceu que os roteiristas pretendiam algo pra ela no início e depois desistiram. Ainda não li o mangá, mas pretendo e assim saberei se foi a adaptação que desfez magicamente o objetivo da Amane ou se a culpa foi do mangaká que se perdeu com objetivo que tinha pra ela na trama. Enfim, eu acabei achando-a desnecessária na trama a partir da segunda temporada.

- Ryuk (Shinigami)

O dono do caderno que vai parar nas mãos do Raito é este ser feio aqui. Podem me achar meio louca mas eu gostei do Ryuk, afinal, o shinigami era apenas um ser que veio em busca de algo interessante no mundo dos humanos, já que o seu mundo estava tedioso. 

E ao encontrar o Raito ele acabou vivendo altas aventuras sempre mantendo seu bom humor, seria fofo se não fosse maquiavélico. /haha/ Ainda vale mencionar o incrível amor verdadeiro do Ryuk por maçãs, história de amor melhor que Crepúsculo, garanto. P.S.: Outro shinigami também dá as caras, até gostei da criatura mas para saberem mais sobre o mesmo, só vendo o anime.

- Near

Outro personagem que merece menção, é o Near. O garoto surge na trama só na segunda temporada, e mesmo eu não tendo concordado muito com as circunstâncias que o levaram a aparecer, até gostei do moleque inteligente. Não posso falar muito para não dar spoilers desnecessários, posso lhes adiantar que a criatura com QI elevado consegue trazer uma forte presença na trama e lembra muito o L, é mais uma cópia do que qualquer outra coisa (imaginação inovadora faltou né?), porém, mesmo assim, me conquistou minimamente e senti vontade de mencioná-lo aqui.

Temos muitos outros personagens, porém não senti vontade de comentar sobre qualquer um deles. O foco está nesses acima, fiquem de olho neles.

Trilha Sonora

O anime também traz uma ótima opening, do tipo que sempre estará na minha playlist do celular, confira aqui. Sério, a música é muito boa. Ah! A primeira ending também merece ser mencionada. Confiram abaixo:



Final

Como eu disse, um determinado evento não me agradou e por isso, o anime perdeu alguns pontinhos comigo. Entretanto, considero que mesmo assim, Death Note teve um final meio justo (meio porque outro personagem que eu torci muito para morrer ficou vivinho, desnecessário isso), se fosse dar uma nota, seria 6,5. Não foi nada muito wow, mas conseguiu ter um clímax interessante, principalmente, em torno do Raito que roubou a cena literalmente no último episódio. Toda a loucura que ele guardou durante os outros 36 episódios foi exposta no 37 e eu curti demais isso. 




Espero que tenham curtido a resenha e claro, comentem a opinião de vocês sobre o anime. Deixo-lhes uma pergunta: O que fariam se encontrassem um Death Note? Aguardo resposta nos comentários. 
Para se inspirarem deixo aqui imagens do caderno, se quiserem comprá-los basta procurar na internet porque eles estão a venda. 
Ah! Mas claro, não vem com shinigami e poder sobrenatural não, certo meu povo? 
(Ou talvez, vocês até consigam um Death Note premiado!) /KKK 

2 comentários:

Sua opinião também é importante. Comente! (:

Compartilhe