08 junho, 2016

Noble, My Love (Mini Drama) [K-Drama]


Iniciando as postagens especiais no mês de aniversário do blog, trago hoje resenha de um mini drama bem relaxante e legal de assistir. Para quem quer uma história curta, do tipo que se pode conferir em apenas um ou dois dias, esta é uma ótima dica.

Noble, My Love



Sinopse: O drama mostra o romance entre Lee Kang Hoon, um herdeiro e Cha Yoon Seo, uma veterinária atraente, inocente e encantadora.
Gênero: Romance
Nº de Episódios: 20
Ano: 2015
Onde Encontrar: DramaFever (online), Meteor Dramas (download), Puri Puri Fansub (download)

- Roteiro

Sendo sincera, eu realmente não consegui ser cativada por este mini drama. Um dos motivos foi o roteiro ser bem básico, e mesmo que me digam "ah, é mini drama, nem tem tempo pra criar uma grande história", não tem jeito de eu mudar de opinião. A ideia de focar em um romance entre um CEO e uma veterinária é realmente boa, até inovadora, mas pra mim, não funcionou. Não consegui me apegar à trama. Tem outros pontos positivos claro, mas o roteiro em geral, não me prendeu. Enfim, é realmente uma trama bem simples e que poderia ter me conquistado talvez se os atores fossem mais cativantes juntos - explicarei melhor posteriormente - considerando que ás vezes, pouco ligamos para o roteiro quando os personagens por si só conquistam não é mesmo?

- CEO Lee Kang Hoon (Sung Hoon)


O CEO em questão é o Sung Hoon, um homem sério e focado em seus compromissos. Ao ser sequestrado e ferido acaba encontrando a veterinária Yoon Seo - a qual já havia conhecido anteriormente, graças a um cachorro - e por pedido dele a moça não o leva ao hospital e assim é obrigada a tratar seu ferimento. A partir daí, o rapaz sente que tem uma dívida para com a veterinária e decide que precisa pagar isso de alguma forma, porém quem disse que ela simplesmente aceitaria essa maneira grossa dele de agradecer?
Logo, o CEO passa a importunar a moça, fazendo de tudo que pode para mantê-la sobre suas "ordens" e é assim que ambos começam a se aproximar. O Sung Hoon possuía um charme incrível ao usar terno, eu realmente ficava impressionada com toda a beleza dele - mas obviamente não ganhou do Kai em Choco Bank, acreditam que ainda não superei? -  e claro, sua atuação também foi boa e realmente convenceu no quesito CEO sério e sensato. Porém, achei seu personagem muitas vezes meio oco, era como se fosse apenas um CEO que começou a amar e pronto. Acabou. No geral, o personagem era um charme com terno mas por dentro dele, faltou algo a mais.

- Veterinária Cha Yoon Seo (Kim Jae Kyung)

A protagonista feminina realmente me cativou um pouquinho. A doce veterinária Yoon Seo era totalmente profissional e dedicada ao seu trabalho, o tipo de personagem que prova que quando se há amor por uma profissão é meio impossível não ser um exemplo de profissional. O que eu gostei muito no mini drama foi o fato de podermos ter este tipo de visão, pois como já devem ter percebido, quase nunca vemos em doramas retratos desta profissão, então foi algo muito interessante de se acompanhar.
Enquanto a moça tenta levar sua vida como uma simples veterinária, começa a ser incomodada pelo Kang Hoon e por muitas vezes, perde a paciência com ele por causa de seus métodos para tentar fazê-la obedecê-lo, seguir o que ele quer. Yoon Seo demonstrou a todo tempo quão honesta e politicamente correta era, o que aumentou meu afeto pela personagem. A moça até consegue ser fofa sem ser irritante e olha que isso não é fácil.

- Casal gato-cachorro



E este casal é aquele típico gato-cachorro. O que briga o tempo inteiro até finalmente perceberem que na verdade, estão apaixonados. E olha, eu realmente preferia os dois brigando e se ofendendo do que juntos. Loucura? Não mesmo. Casais como esses, pra mim, tem que convencer no sentido de fazer o telespectador amar vê-los brigando mas fazer com que a torcida para que ambos entendam seus sentimentos e fiquem juntos seja impossível de não acontecer.


Mas eu sinceramente, gostava mais de ver os dois separados e brigando já que possuíam uma maior química assim do que felizes e juntos, onde a química parecia não existir em grande proporção. O fato é que os dois atores separados me pareceram ter mais química do que juntos, eles até ficavam bonitinhos juntos, mas sei lá, não consegui realmente torcer pelo casal e este foi um dos principais motivos que me fizeram não curtir tanto o mini drama.


- Considerações Finais

- Secretário


Todo CEO que se preze tem que ter um bom secretário. E este foi de longe, o personagem que eu mais gostei. Principalmente, por sua maneira de lidar com o chefe e até mesmo dar uma ajudinha pra ele, quando necessário.

- Gatinha Mal Raeng


E a fofa da gatinha da Yoon Seo não poderia deixar de ser mencionada, afinal esta coisinha fofa roubou a cena muitas vezes. É claro, não foi tão protagonista quanto a Garfield coreana em Imaginary Cat mas conseguiu esbanjar sua fofura nas cenas em que apareceu.

- Lee Kang Joon (Kim Dong Seok)

E o irmão mais novo do Kang Hoon chegou aos 45 minutos do segundo tempo, mas também conseguiu me chamar a atenção. Seu jeito moleque atrevido e caçula disposto a encher o saco do irmão mais velho foi realmente encantador. Como não gostar desse menino provocando o ~hyung? A história entre ele, o irmão e a ex namorada foi, pra mim, desnecessária já que jogaram isso na trama e depois retiraram como se não fosse nada, um deslize do roteirista. Enfim, o dongsaeng aqui conseguiu divertir no pouco tempo em que esteve presente.

Trilha Sonora

A OST do mini drama poderia ter se tornado marcante, mas foi pouco utilizada -  colocavam apenas os 10 primeiros segundos da música ou o instrumental, isso acabou me irritando, um pouco - e acabou tornando-se meio chatinha. Não é do tipo que eu adicionaria na minha playlist.

Is it Love - Roi & Kim Jae Kyung (Rainbow)



- Desenhos



Basicamente, a coisa que eu mais gostei no drama foram os desenhos antes e depois dos episódios, eram realmente lindos. Por muitas vezes, eu ficava admirada com quão idêntico o desenho estava em comparação com a cena descrita e sério, quem os desenhou merece parabéns porque eram todos obras de arte. Eu gostei principalmente, por me lembrar mangás e como sabem, amo os quadrinhos japoneses, então ver essas ilustrações me deixou com um sorriso no rosto. <3


- Conclusão

Noble, My Love realmente não conseguiu me empolgar ou cativar como aconteceu com outros mini dramas conferidos. Porém, não odiei totalmente o drama, como mencionei, há pontos positivos, os quais faz válida a experiência de ter conferido este mini drama. Recomendo para quem curte roteiros bem simplórios e tramas onde um CEO charmoso apaixona-se por uma mera mortal - neste caso, uma veterinária.

Este é o primeiro post em comemoração ao primeiro aniversário do blog que é agora no fim do mês, espero que tenham gostado afinal este foi o vencedor de uma das votações feitas aqui nos meses anteriores. Os outros vencedores das esquetes serão resenhados ao decorrer deste mês okay?  Beijão e aguardem a próxima resenha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião também é importante. Comente! (:

Compartilhe