Menu

Boys Before Flowers [K-Drama]


Finalizando as postagens especiais de aniversário do blog, vocês votaram e escolheram o dorama "clássico" que gostariam de ver aqui. Eis que o título mais votado foi um dos mais famosos, e que foi o primeiro dorama de muitos, o responsável por fisgar muitas pessoas para esse mundo. E mesmo que não tenha sido seu primeiro dorama, se você é dorameiro há um certo tempo, com certeza, ele deve estar na sua lista de primeiros dramas... Vamos lá comentar e embarcar num sentimento de nostalgia com este título?!


Sinopse: Jan Di, é uma garota comum e de origem humilde, que mora com seus pais e seu irmão mais novo, ela trabalha ajudando seu pai na tinturaria da família fazendo as entregas das roupas dos clientes. Não é uma garota rebelde e nem gosta de criar confusões, mas quando é para ajudar seus amigos ou não deixar que a humilhem faz o que é preciso pra se defender. Certo dia, enquanto levava a roupa de um estudante da Escola Shinhwa, considerada a melhor do país, ela o impede de cometer suicídio, sem saber o porquê dele querer se suicidar. Por tal ato ela ganha uma bolsa de estudos nessa mesma escola, algo que ninguém nunca havia imaginado antes, já que é uma escola de elite e apenas para a nata da sociedade. Nessa escola tem um grupo de 4 jovens chamado de F4, que tem o respeito de todos os estudantes da escola e mandam e desmandam lá dentro. 
Gênero: Comédia, Drama, Romance, Escolar
Nº de Episódios: 25
Ano: 2009
Onde Encontrar: Viki (online), DramaFever (online), Dopeka (online)

- Enredo

Como diz na sinopse, Boys Before Flowers também conhecido como Boys Over Flowers, conta a história de Geum Jan Di, uma garota humilde que junto com seus pais administra uma tinturaria simples. Certo dia, Jan Di vai até uma escola de prestígio chamada Shinhwa, escola pertencente à um conglomerado do país, o grupo Shinhwa, conhecida por ser uma das mais caras e excelentes no ensino. Jan Di recebeu uma encomenda e precisa entregar um uniforme a um estudante desta escola, porém ao chegar no local, o rapaz em questão está no telhado da escola prestes a suicidar-se. Jan Di salva o moço e após a mídia cair em cima do fato, comentando que em uma das mais renomadas escolas do país, determinados estudantes sofrem bullying, a presidente deste conglomerado e com alto poder na escola, decide ofertar uma bolsa de estudos para a moça, a fim de evitar mais comentários negativos. Jan Di não aceita de início a bolsa, mas por insistência dos pais que veem nesta uma excelente oportunidade para a garota, ela acaba indo para a escola Shinhwa. Ao chegar na escola, Jan Di conhece o F4, um grupo de garotos super famosos que mandam e desmandam na escola por serem da alta sociedade e sucessores de conglomerados. Jan Di até tenta não envolver-se com o quarteto poderoso, mas após sua única amiga que fizera na escola acidentalmente, provocar o líder Goo Joon Pyo, ela não consegue ficar quieta e compra briga com ele. Após isso, Jan Di recebe o famoso cartão vermelho do F4, cartão este que torna alvo dos demais estudantes da escola quem quer que o receba. Agora, Jan Di precisa lidar com o bullying de seus colegas de escola, tentando determinadamente continuar na escola para a alegria dos pais e por seu próprio orgulho.
Boys Before Flowers é um dos clássicos dos doramas, é o primeiro de muitos dorameiros ou se não for o primeiro, no mínimo está lá na segunda, terceira ou quarta posição, como é o meu caso. O sucesso do drama foi enorme e até hoje é tido pelos dorameiros de plantão como um dos mais queridos, seja pelo sentimento de apego por ter sido um dos primeiros vistos ou por ser ainda o preferido de muitos dorameiros. Este título é a versão coreana de um drama japonês chamado Hana Yori Dango, o qual até hoje - podem me bater! - ainda não vi, porém, um dia, pretendo ver. Assim como sua versão coreana, Hana Yori Dango foi um sucesso, baseado em uma mangá é conhecido por muitos dorameiros que amam jdramas e um dos queridinhos deste pessoal. Se vocês ainda não viram este dorama, deveriam! Afinal, clássicos doramáticos tornaram-se "clássicos" por um motivo, então não podem passar despercebidos em suas listas, não é mesmo?!

- 25 episódios: então, muuuita coisa acontece!

São 25 episódios! Sim, você leu certo! 25! Então isso significa que acontece muuuita coisa ao desenrolar da trama, e o melhor de tudo é que não se torna chato acompanhar justamente porque o drama tem um ritmo satisfatório. É um enredo simplório e um tanto quanto cotidiano, clichê, mas mesmo assim, tem seu jeito único de contar a história, além de possuir aquele tom mágico de doramas mais antigos. Temos que admitir que assistir um dorama atual e um mais antigo traz uma sensação diferente, é legal perceber como apesar dos dramas ainda possuírem o mesmo "formato" ainda assim, de certo modo, evoluíram. Seja no quesito produção, sonoplastia ou atuação, é notório que houve um avanço no modo de se fazer um dorama, mas a qualidade continua a mesma. Pois bem, em 25 episódios vocês irão rir, se emocionar, shippar errado, shippar certo, amar o F4, ter uma raivinha básica de alguns deles ou de todos em certos momentos, amá-los em outros e por aí vai... Boys Before Flowers tem inúmeros desdobramentos e isto faz o telespectador realmente querer finalizar a história, atiça a vontade de querer saber o que acontecerá com estes personagens tão únicos que se tornam parte da vida de quem o assiste. É o típico dorama que o enredo aparenta não ter nada demais, mas na verdade é muito bem construído, conduzindo seus personagens de maneira genuína, fazendo-os amadurecem a partir de suas experiências.

- O F4: Flowers Boys que a gente queria encontrar na escola!


Goo Joon Pyo (Lee Min Ho): Líder Mimado!

Joon Pyo é o líder do F4, o jovem é herdeiro do principal conglomerado do país, o Grupo Shinhwa e sempre, foi de longe, o mais mimadinho deles. É o responsável por infernizar a vida da Jan Di na escola, e inicialmente é apenas um pirralho mimado insuportável daqueles que a gente tem vontade de bater até que ele aprenda a ser uma pessoa decente. Mas, ao começar a aproximar-se da Jan Di, acaba apaixonando-se por ela sem nem mesmo perceber, e seria este sentimento e as experiências que vivenciaria a partir dele que transformariam o Joon Pyo. Apesar de algumas ações totalmente idiotas do prota na parte inicial da trama, admito que gostei muito dele, principalmente porque me fazia rir muito com seu jeito mandão, por vezes um tanto quanto arrogante, porém que não fazia mal aos outros. Joon Pyo cisma que a Jan Di está apaixonada por ele e por vezes, tenta fazê-la assumir que também gosta dele, não tem sucesso, e isto o frustra. É por causa desse sentimento que ele começa a entender que mesmo sendo a pessoa mais rica da face da terra, há coisas que o dinheiro não pode comprar, tampouco conquistar.
Esses ensinamentos, alguns que a própria Jan Di lhe dá, o fazem amadurecer e de um menino mimado, ele passa a ser um homem maduro. É claro que esse amadurecimento não acontece de um episódio para o outro, é bem gradativo mas muito bonito de se ver, sério gente, eu fiquei orgulhosa da pessoa que o Joon Pyo se tornou. O melhor de tudo é que ele amadurece mas não perde aquele jeito mandão que por vezes foi cômico, pelo contrário, ele continua sendo o Joon Pyo que fomos apresentados inicialmente, guardando sua característica mais marcante.
Joon Pyo foi o personagem que alavancou a carreira do Lee Min Ho tornando-o um dos atores mais famosos da Onda Hallyu, e ficou marcado em nossas memórias por causa desse cabelo encaracolado. Hahah' Até hoje nosso Lee Min Ho nos encanta com sua atuação maravilhosa, uma pena que agora esteja ocupado servindo ao seu país, mas vamos esperar o retorno dele, não é mesmo?!
~Destaque para o abs magrelo do nosso Min Ho~

Yoon Ji Hoo (Kim Hyun Joong): Violinista Dorminhoco!

Ji Hoo é descendente de outro grupo conglomerado, sendo o único sobrevivente de um acidente de carro que matara seu pai e sua mãe. Desde então, cresceu sozinho e viu no F4 um apoio para continuar seguindo em frente, fez dos amigos sua família. O rapaz ama tocar violino e tirar uma boa soneca quando tem oportunidade, sua personalidade é tranquila e muita madura para sua idade, sendo o único do quarteto que aparenta ter um senso comum. Inicialmente, o rapaz nutre um sentimento por uma amiga de muitos anos e posteriormente, acaba encantando-se pela Jan Di, e isto o deixaria marcado como o forever alone mais amável e sofrível dos últimos tempos.
/ Aaahhh, que sorriso lindooo! / Então, só para vocês terem uma ideia da situação, o personagem é tão apaixonante com suas ações que eu simplesmente queria dividir a prota e fazer a outra dela gostar dele para que o coitado parasse de sofrer. Enfim, Ji Hoo foi encantador, soube ser um cafajeste em certo momento, cobiçando a garota do amigo porém também soube ser um amigo de verdade, deixando seus sentimentos de lado e respeitando o que o Joon Pyo e a Jan Di sentiam um pelo outro. Confesso que senti raiva dele em certos momentos, pois passou tempo demais de olho na amiga modelo que tinha enquanto a Jan Di tava de olho nele e quando ela decide superar seu primeiro amor, ele começou a notá-la. Pois é, ser lerdo no amor é sinônimo de perda. Porém, isso não diminui o quanto o Ji Hoo me emocionou em vários momentos, quando teve que lidar com sua difícil relação com o avô, quando sofreu pela amiga modelo, seu primeiro amor que jamais lhe correspondera... E quando começou a gostar da Jan Di e virou o forever alone. Nunca esqueci o Ji Hoo e até hoje é um dos personagens que estão na minha lista de "personagens queridos e inesquecíveis!".
Hyun Joong posteriormente faria o prota de outra versão coreana de grande sucesso, o famoso Playful Kiss, ele passou um tempo no auge tanto como ator quanto integrante do boygroup SS501, mas após alguns escândalos, simplesmente sumiu. Uma pena.

So Yi Jung (Kim Bum): O Casanova da Cerâmica!

Yi Jung é um artista e um prodígio da cerâmica, sendo o artista mais jovem a ser reconhecido neste campo, conseguindo firmar-se como um grande talento. Além disso, é um Casanova, um mulherengo, na verdade, o F4 inteiro costuma querer estar ao lado de garotas bonitas mas quem mais se aproveita disso é o Yi Jung. Sua personalidade é fria quando o assunto é garotas e parece usá-las apenas para seu próprio querer e da maneira que lhe for melhor, fugindo de qualquer tipo de relacionamento mais profundo.
Em certo ponto da trama temos uma melhor visão do personagem e assim torna-se mais fácil compreender como ele se tornou assim, a partir do conhecimento das tristezas e dores do passado dele, somos capazes de entendê-lo melhor. Foi um dos meus personagens mais queridos, afinal com seu jeito mulherengo porém incrivelmente encantador, era impossível não se derreter de amores pelo rapaz. Sério, admito, eu me apaixonei por ele! <3

Song Woo Bin (Kim Joon)

Woo Bin é a base do F4 e dentre todos é o que menos tem ênfase, porém ainda assim, consegue seu destaque na trama. Ao contrário dos demais, ele não é conhecido por seus talentos ou descendência de um Grupo conglomerado, e sim por ser o cotado como sucessor na chefia da Máfia.
Não é algo que ele esconde mas que, com certeza, em certo momento o faz ter vergonha de ser quem é, e quem lhe mostra que não deve ter vergonha de quem é, é o Yi Jung. Woo Bin foi um amigo para todas as horas, sendo a base do F4, o mais paciente e complacente para com os demais, sempre esforçando-se para manter a amizade do quarteto. Em muitas cenas é notório o quão bem o personagem conhece seus amigos e a importância que dá para o F4, justamente por sua amizade tão verdadeira tornou-se memorável.

- Geum Jan Di (Gu Hye Seon): Prota plebeia dura na queda!

Geum Jan Di foi uma prota clichê se considerarmos o fato de ser a plebeia por quem o riquinho se apaixona, porém, sua personalidade era diferente das costumeiras protagonistas femininas, aquelas fofas, tímidas e que precisavam ser defendidas. Jan Di tem uma personalidade simplória, o que a torna um tanto quanto realista, é do tipo que toma suas próprias atitudes e tenta o máximo possível não depender de ninguém. Quando vê pessoas ricas abusando de seu poder, não consegue se conter e por isso compra briga com o F4, particularmente, com o Joon Pyo. Ela não consegue ver uma pessoa humilde sendo humilhada em sua frente e isto a faz ser a próxima vítima do bullying que acontece na escola, mesmo enfrentando diversas ofensas e até humilhações, a prota não desiste de continuar na escola, tudo porque seus pais sentem-se orgulhosos de vê-la ter esta oportunidade, e o fato de resistir passa a ser questão de honra para ela. Inicialmente, desde a chegada como estudante na escola Shinhwa, Jan Di interessa-se pelo Ji Hoo, porém percebe que há outra no coração do rapaz e prefere guardar seus sentimentos para si. Nesse meio tempo, chama a atenção do Joon Pyo e sempre o destrata, deixando bem claro que não vê o rapaz como uma opção, o que ofende e magoa.
Pelo que sei, alguns telespectadores não gostavam da Jan Di, eu gostei da personagem, confesso que acabei gostando mais dela quando revi o dorama do que quando o vi pela primeira vez, isto porque ao ver novamente, compreendi melhor a personalidade e escolhas que ela fez durante a trama. Jan Di tinha qualidades memoráveis, seu senso de justiça, a consideração que tinha por seus amigos e acima de tudo, sua integridade, mantendo-se sempre firme acreditando e fazendo o que achava ser certo. Além disso, era determinada, uma prota forte e simplória que não é tão comum de se encontrar, é por causa destas características tão marcantes em sua personalidade que a personagem acabou me cativando.

- Chu Ga Eul (Kim So Eun)

E se for para mencionar a personagem feminina que mais gostei, diria que foi a Ga Eul. A moça é a melhor amiga da Jan Di e mesmo não estudando no mesmo colégio que ela, acaba vez ou outra envolvida também com o F4. As duas trabalham juntas numa loja de arroz e a Ga Eul é aquela best friend forever sempre disposta a ouvir, aconselhar e se for preciso, defender. É claro que ao contrário da Jan Di, Ga Eul era mais inocente, ingênua e parecia mais uma prota feminina, não defendendo-se sozinha, deixando outro (a) fazer isso, mas claro que mesmo assim, teve seus encantos. Além disso, a mocinha protagonizou um romance secundário ao lado de um dos membros do F4, um dos que mais shippei em toda a minha vida de dorameira, mas isso é assunto para um outro tópico específico...

- Família da Jan Di: Uns amores! *.*

Eu não poderia deixar de mencionar esta família que me matou de rir em muitos momentos, afinal, a mãe que super apoiava os estudos da filha no colégio à espera de que ela arranjasse um bom partido, o pai mega carismático e o irmão mais novo que se deslumbrava facilmente com qualquer ação do Joon Pyo quando esbanjava seu dinheiro permitiram-me ter momentos muito divertidos. Devido ao carisma destes personagens, eles mereceram uma menção aqui.

- Família do Joon Pyo: A ~noona maravilhosa vs Mãe Bruxa!

Por outro lado, a família do Joon Pyo pode ser dividida em duas. Temos a irmã mais velha chamada Goo Jun Hee (Kim Hyun Joo) que foi um apoio e por vezes defendeu o irmão, mas também lhe deu uns bons puxões de orelha, para que ele aprendesse com seus erros e se tornasse uma pessoa melhor, um bom homem.
E temos a mãe dele, Kang Hee Soo (Lee Hye Young), a qual agiu como uma BRUXA o dorama inteiro! Sério gente, eu detestei esta mulher, sempre querendo manipular, usar seu dinheiro e poder para afastar o Joon Pyo e a Jan Di, além de querer o filho longe do F4, dizendo que o herdeiro do Grupo Shinhwa deveria agir como o superior que era e mesmo que isso significasse ser solitário, o que importava era administrar este conglomerado. Tanto o modo de pensar quanto as atitudes dela eram irritantes e passei o dorama inteiro nutrindo raiva e desprezo pela personagem, sério, tá pra nascer uma bruxa pior que essa viu?!

 - Romanceee...

Então, falar de romance em Boys Before Flowers é um tanto quanto complicado justamente porque temos dois possíveis shipps principais e sério, se você não ficou em dúvida pra quem torcer em determinado momento, merece parabéns. Tudo que senti ao ver o dorama pela primeira vez se intensificou quando estava revendo para fazer este post, afinal após  25 episódios e os diversos desdobramentos, bem como as diversas emoções que surgiram, eu não consegui fixar um shipp. Em certo momento queria Jan Di + Ji Hoo, depois Jan Di + Joon Pyo, e graças ao surgimento do casal secundário, me concentrei neles e simplesmente me deixei levar pelo casal principal que se formasse na trama, parei de sofrer / ficar em cima do muro/ tentar decidir sozinha/ ficar na dúvida de novo. O motivo de tanta confusão?? Explicarei abaixo!

Jan Di + Ji Hoo

Primeiro, a Jan Di apaixona-se pelo Ji Hoo mas o rapaz está ocupado demais de olho em uma amiga que tantos anos esteve presente em sua vida, em certo ponto da trama, ele até decide finalmente parar de ficar na arquibancada e tentar arriscar o romance. Aí eu imaginei que teríamos um casal secundário daí, mas me enganei, Ji Hoo percebe as mudanças no seu coração e que outra pessoa está presente nele. Aí foi o começo da minha confusão e sofrimento, sério pessoas, SOFRI horrores com a síndrome forever alone dele...
Ji Hoo percebe que está apaixonado pela Jan Di, aí você pensa "que ótimo! Agora eles irão ficar juntos!", mas era tarde demais pois a Jan Di sem nem perceber já tinha começado uma mudança em seus sentimentos. A aproximação deles é gradativa e começa com uma espécie de respeito por ele ser  o sunbae dela e sempre tê-la ajudado quando estava sofrendo bullying, porém aos poucos, uma amizade linda se forma e os sentimentos do Ji Hoo são mais perceptíveis ao telespectador. Porém, como a Jan Di demonstra estar agora apaixonada por outro, o Ji Hoo decide apenas observar e guardar para si o que sente. Achei este um gesto muito lindo, apesar de por um certo tempo, ele ter meio que disputado o coração da moça, ao perceber que na verdade estava no caminho, decide apenas retirar-se.
Agora, me digam, como não morrer de pena disso?! Foi um ato de amor, amor pela Jan Di e pelo Joon Pyo que desde sempre fora seu amigo, mas isso não muda o fato de que o coitado sofreu por ter ficado na friendzone. Ji Hoo continua sendo amigo dos dois e em vários momentos, até quando a Jan Di estava sofrendo por causa do Joon Pyo, ele a consolou, foi ELE que a consolou. Sério gente, eu simplesmente sofri junto com o Ji Hoo, sofri tanto que cheguei ao ponto de querer dividir a prota em duas só pra que cada um dos boys ficasse com uma parte dela... Enfim, Ji Hoo foi um forever alone memorável e até hoje quando penso no friendzone dos doramas, a primeira pessoa que me vem à mente é ele, justamente por seu personagem ter me marcado tanto. #InesquecídelJiHooSunbae!

Jan Di + Joon Pyo

Mas como mencionei anteriormente, também não consegui deixar de shippar o Joon Pyo com a Jan Di, afinal o casal que inicialmente vive em pé de guerra, por causa das atitudes idiotas do Joon Pyo para com a Jan Di, aos poucos foi transformando "ódio" em amor e foi divertido e fofo acompanhar isto. Joon Pyo é um mimado, acostumado a ouvir apenas "SIM", então quando encontra alguém que o desafia, contesta e diz "NÃO" fica confuso e até mesmo maravilhado.
Logo, acaba apaixonando-se pela Jan Di, justamente por ela ser tão oposta a si mesmo e é através deste sentimento que vai amadurecendo e transformando-se em uma pessoa melhor. É por causa das experiências vividas através deste romance que o rapaz começa a pensar de maneira diferente, agindo mais como um ser humano, mostrando que lá no fundo, era um bom rapaz. Inicialmente, implica com a Jan Di, depois passa a tentar cortejá-la com seu dinheiro e tudo que pode proporcionar mas a mocinha não se deixa abalar pois tem os pés no chão e simplesmente o recusa, recusando os sentimentos dele.
Porém, aos poucos Joon Pyo vai fazendo coisas em prol da Jan Di e é por causa de suas ações tão simplórias mas extremamente significativas que começa a conquistar o coração dela. A partir daí, temos um romance um tanto quanto divertido pois mesmo quando estavam juntos não perdiam a oportunidade de se provocar com adjetivos não muito carinhosos e este é o diferencial do casal.
O relacionamento é cheio de altos e baixos, enfrentam certas dificuldades - a grande maioria é imposta pela bruxa da mãe do Joon Pyo - e surpresas que a vida traz, tudo para poderem ficar juntos, em certo momento, sinceramente, achei que não se firmariam como casal, sério. Só volto a afirmar que este possível casal teve seu encanto, bem como momentos clichês que permaneceram em minha memória.

Casal secundário: Ga Eul + Yi Jung: O casal secundário mais shippável dos últimos tempos!

E ainda bem que tivemos um casal secundário como este pois aí eles roubaram minha atenção e o sofrimento em relação ao triângulo amoroso acima que super me confundiu foi deixado à esquerda. Pois bem, como mencionei Ga Eul não estuda na escola Shinhwa mas com o envolvimento da Jan Di com o F4, a mocinha aqui acaba também sendo arrastada para o meio de tudo. Com isso, Ga Eul torna-se presença constante nas viagens da Jan Di com o F4 - sortuda era a Jan Di que viajava às custas do F4 para lugares lindos e tinha dois deles caidinhos por ela, olha, ser prota de dorama é o sonho de vida de qualquer mulher né não?! - e posteriormente, acaba aproximando-se do Yi Jung.
O romance demora um pouco para dar o ar da graça, e mesmo quando o faz, é perceptível que pode não deslanchar pois o Yi Jung é o tipo de garanhão que tenta ao máximo não envolver-se verdadeiramente e profundamente com alguém. Ele tem seus próprios motivos para ser assim e por ironia da vida, o mulherengo experiente que diz querer distância de meninas boas, acaba encantando-se pela inocência e doçura da Ga Eul. E sério, shippei MUITO!
Tanto da primeira vez que vi o dorama quanto na segunda, eu simplesmente berrava loucamente quando tinha qualquer tipo de interação entre estes dois aqui, justamente pela química natural e os olhares tão doces que um dava para o outro. Primeiro, Yi Jung acabou dando umas lições e ajudando a Ga Eul em certas situações, depois é como se, de certo modo, a mocinha aqui retribuísse, começando a dar-lhe lições de moral e apoio em um dos momentos difíceis que ele enfrenta lá na reta final do dorama.
Enfim, SHIPPEI MUITOO esses dois e até hoje este é um dos casais secundários que mais me fizeram surtar, nunca os esqueci e revendo o dorama cheguei até a pensar que surtaria menos por eles, mas... foi exatamente o contrário. Estes dois foram tão maravilhosos que mereciam um dorama inteiro só para eles!  E até hoje não aceito o fato de não terem se beijado, que falha do dorama viu?! 

- Consideração Final

Amizadeee *.*
AMO quando qualquer trama retrata uma verdadeira amizade e um dos temas em que Boys Before Flowers foca é justamente este, a amizade entre Jan Di e Ga Eul, e amizade existente entre os membros do F4, na verdade, posteriormente todos meio que tornam-se amigos uns dos outros.

Jan Di & Ga Eul
Temos aqui o retrato de uma amizade feminina sincera e verdadeira. Mesmo com sua amiga conseguindo uma vaga em uma escola de prestígio, Ga Eul não sente ciúmes ou inveja dela, pelo contrário, fica muito feliz pela amiga. Ga Eul apoiou a Jan Di durante toda a trama, sempre ouvindo-a pacientemente, aconselhando quando necessário e mais do que tudo, se firmando ao lado dela como quase uma irmã e esta amizade aqui tornou-se memorável.

F4: Aaaahhhh, este quarteto... <3

Além de lindos, poderosos e ricos, os meninos do F4 eram muito amigos. É claro que tiveram que lidar com desavenças, desconfianças e até mágoas que uns causaram aos outros, mas no fim, demonstraram que ser amigo é estar junto em todos os momentos,  bons e ruins, demonstraram que a amizade verdadeira prevalece.
O quarteto é amigo desde que eram pequenos, cresceram juntos e já haviam sido parte de bons e maus momentos das vidas uns dos outros, temos até flashbacks que retratam isso em determinados episódios, e em sua juventude, é claro que ainda tinham muito o que viver. Mas mesmo com todas as surpresas que surgiram ao desenrolar da trama, mesmo após desentendimentos e até mesmo brigas, o quarteto prevaleceu sendo amigos, levando sempre em consideração o que significavam um para o outro. Ah! E temos que admitir né, que quarteto maravilhoso! <3

- Final e fim dos personagens...

Então, após tantos desdobramentos, surpresas boas e ruins nas vidas dos personagens, inúmeras emoções, confusão e sofrimento com o triângulo amoroso, surtos pelo casal secundário, só posso afirmar que valeu a pena. Temos um daqueles fins redondinhos e que nos enche de emoção ao pensar em tudo que aconteceu em todos os outros anteriores 24 episódios, tudo que fez chegar àquele momento da despedida. No geral, o último episódio traz ainda algumas emoções finais, um certo desdobramento que achei meio chatinho e meio desnecessário - a perda de memória do Joon Pyo - mas como tudo se resolveu no fim, considero-me satisfeita.

- OST

É tanta faixa MARAVILHOSA que eu gostaria de colocar todas, mas como sei que isso seria abusar da paciência de vocês, vou deixar o meu top6 de canções preferidas deste dorama. Encerro a resenha aqui afinal o post já está um tanto quanto gigante, espero que tenham curtido a resenha e não deixem de comentar o que acham deste clássico doramático. Ah! Se querem ver outro dorama "antigo" resenhado aqui no blog façam seus pedidos que futuramente ele pode acabar aparecendo por aqui.. hahah' Este post encerra as postagens especiais de aniversário do blog, o MDUGS completou hoje dois anos e desde já, quero agradecer à vocês por todo o carinho e apoio, obrigada à todos os parceiros e leitores que fazem deste um cantinho querido. Espero ano que vem estar comemorando um terceiro aniversário com mais postagens especiais escolhidas por vocês, amém! E não esqueçam que no último dia do mês teremos o ~KPOPANDO, até lá! :*

TOP6: OST Boys Before Flowers
Beacause I'm Stupid - SS501A MINHA PREFERIDAAA! AMOOO!
Something Happened to My Heart - T-MAX- Outra que eu AMO MUITOO! (Esse vídeo pode conter spoilers!)
Stand By Me - Shinee - AMO MUITO TAMBÉM! <3
Lucky -Ashily - Essa músicaaa... *.*
Almost Paradise- T-MAX - Essa é a clássica! Basta ouvir que tu lembra imediatamente do dorama!
One More Time - Tree Bicycles - Aaaahhhh *.*
E como eu não resisto, aconselho que vejam as lives que colocarei aqui embaixo, afinal são as canções do dorama e merecem uma visualização! Cliquem no play!

Because I'm Stupid - SS501- MINHA MÚSICA, NINGUÉM SAAI!



Stand By Me - Shinee - Aaahhh *.*



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Sua opinião também é importante. Comente! (:

Topo